Revista Cifras - As notícias do mundo da música
Revista Cifras
Eminem
Eminem lança 'Walk On Water', música em parceria com Beyoncé
Christina Aguilera
Após polêmica, Christina Aguilera fará novo tributo a Whitney Houston
Lorde
Lorde faz cover intimista de música de Bruce Springsteen
Paris Hilton
Paris Hilton volta para a música e se inspira em Michael Jackson
Igor Miranda
Ver Colunas de Igor Miranda

#artigo

Relembrar é viver - Em 2007, Miley Cyrus afirmava: "vou me casar virgem"

8/7/2014 2:10:33 PM
Você se lembra como estava, o que fazia e no que acreditava há nove anos? A mudança pode não ter sido tão drástica quanto a de Miley Cyrus - até porque, a idade em que ela se encontrava há nove anos é típica para maiores mudanças. Mas me reservo no direito de duvidar que qualquer leitor deste site não esteja diferente após tanto tempo.


(Miley Cyrus com o pai, Billy Ray Cyrus, em 2007. Foto: People/Divulgação

Se a mudança de Miley Cyrus foi para melhor ou para pior, é algo subjetivo. Fato é que ela está em um caminho diferente de quatro anos atrás. Prova disso é uma entrevista concedida à revista People, quando posou ao lado de seu pai, Billy Ray Cyrus, para a capa da publicação. À época, Miley tinha 14 anos e aproveitava o sucesso de seu personagem na Disney, Hannah Montanna.



"Viemos de uma família com base forte no cristianismo. É importante que ela se lembre de onde veio. Me preocupo em manter os pés dela no chão", disse o pai, em entrevista à People. Miley, por sua vez, afirmou: "Quero me manter virgem até o dia de meu casamento".

(Alguns anos depois, Miley começa a mudar. Adolescência? Foto: Getty Images)

As mudanças começaram em 2010. A comportada Miley Cyrus começou a causar controvérsias. Surgiu até mesmo o rumor de que ela estaria grávida, prontamente negado. O visual foi mudando: ela optava por roupas cada vez mais curtas, como reflexo da idade.

(Miley Cyrus, enfim, chuta o pau da barraca. Foto: Terry Richardson/Divulgação)

Em 2012, a mudança de visual e de proposta foram nítidas. Miley assumiu um corte de cabelo diferente, roupas mais agressivas e curtas passaram a integrar seu guarda-roupas e a produção do disco "Bangerz" havia começado. Com apologia ao sexo e ao uso de maconha em músicas, atitudes e entrevistas, a garota inocente deu adeus ao mundo.

por Igor Miranda

#interessante

#suaopinião

Revista Cifras
Petaxxon Comunicação Online

© Copyright 2017

notícias | artigos | entrevistas | videos

©2017 Petaxxon Comunicação Online