Ed Sheeran
Ed Sheeran revela que já morou na rua e dormia na porta de palácio
The Pretty Reckless
Cantoras do Halestorm, Pretty Reckless e outras musas do rock sensualizam em calendário 2015
Red Hot Chili Peppers
Os passatempos mais improváveis de estrelas da música
Anitta
Pegadora? Anitta diz que não quer ter fama de "rodada"
Entrevistas Artigos

#notícia

Caxirola: Invenção de Carlinhos Brown para a Copa do Mundo gera polêmica com preço alto

5/7/2013 12:46:37 PM



Nas últimas semanas surgiu a forte polêmica a respeito do instrumento apresentado pelo cantor Carlinhos Brown, que seria usado por torcedores na Copa do Mundo de 2014, a caxirola, sucessora das vuvuzelas, que fizeram tanto barulho na Africa do Sul em 2010. No entanto, parece que a recepção do objeto não está sendo exatamente como o cantor baiano esperava.

Apresentada ao público no dia 23 de abril, o instrumento caiu nas graças da presidente Dilma e da Ministra da cultura, Marta Suplicy. Tudo indicava que seria o mais novo sucesso da copa de 2014. Porém a recepção não foi a mesma em sua estreia, no jogo do Vitória contra Bahia. Com o objetivo de testar a aceitação do público, a empresa The Marketing Store, detentora dos direitos autorais do produto em sociedade com Carlinhos Brown, resolveu distribuir 50 mil caxirolas para os torcedores dos times. O resultado não podia ser pior, revoltados com o resultado do jogo, a torcida promoveu uma verdadeira chuva de "chocalhos de plástico" no gramado do estádio.

Após o episódio lamentável, instantaneamente a população começou a levantar a questão: "Imagina como vai ser na copa" e ao que tudo indica, o negócio milionário de Carlinhos Brown e a empresa norte-americana pode ir por água abaixo. A Marketing Store tem em seu planejamento vender 1,8 milhão de instrumentos do primeiro lote. A empresa espera colocar no mercado entre 10 milhões e 100 milhões de caxirolas até o fim da copa de 2014.

Outra questão que pesa na polêmica, é que a caxirola nada mais é que um "caxixi" de plástico. O "caxixi", é um instrumento usado junto ao berimbau, composto de material orgânico como palha e cabaça, com grãos de arroz ou semente dentro. O que ainda não ficou claro para o público é a justificativa para o preço do produto, que terá o valor de R$ 29,90, enquanto o caxixi custa em média R$10,00.

O jornalista John Crace, publicou no diário Britânico, The Guardian um pedido aos brasileiros para que deixem de lado a novidade apresentada pelo cantor e chancelada pelo Ministério do Esporte. "Mal posso esperar", ironizou o colunista "Se você achava que as vuvuzelas eram ruins, espere só até ouvir as caxirolas", dispara Crace. E aí? Será que a moda vai pegar?




Por Débora Blezer

ei nerd  


Michael Keaton em trailer de Homem-Pássaro

Guardiões da Galáxia ultrapassa US$ 700 milhões em faturamento

O verdadeiro Siri Cascudo

Cenas em que os vilões vencem

Personagens da Disney trocam de gênero

Warwick Davis estará em Star Wars VII

#suaopinião


#artistasrelacionados

#tags

Revista Cifras
Petaxxon Comunicação Online

© Copyright 2014