38 anos de Daron Malakian - Revista Cifras

38 anos de Daron Malakian

(Foto: Getty Images)

Aos 38 anos que são completos no dia de hoje, é possível dizer que o multi-instrumentista Daron Malakian tem enorme relevância no metal enquanto cenário geral. Consagrado por seu trabalho como guitarrista e vocalista de apoio do System Of A Down, Daron encontrou um novo modo de se expressar como músico.

Além de guitarra, Malakian domina uma enorme gama de instrumentos de corda, como baixo, viola, banjo, ukelele, sitar e bandolim, entre outros, bem como toca bateria, teclado , e por aí vai.

Seu estilo único como guitarrista, seu talento para compor e sua performance vocal em contraponto com a do companheiro Serj Tankian foram decisivos para o sucesso do SOAD, apesar de não ser o único projeto de sua carreira.

Início

Assim como seus colegas de System Of A Down, Malakian tem descendência armênia. No entanto, foi o único que nasceu nos Estados Unidos. Oriundo de Los Angeles, Califórnia, Daron sempre esteve ligado às artes: seu pai era dançarino e artista visual, enquanto sua mãe trabalhava com esculturas.

Veja também:  Serj Tankian libera novo álbum para audição gratuita; Ouça aqui

Aos quatro anos, teve seu primeiro contato com o rock. Foi apresentado ao Kiss, através de um primo. Logo após, esteve em contato com Van Halen, Iron Maiden e outros grupos do hard rock e heavy metal.

Com onze anos de idade, decidiu que queria aprender a tocar bateria, mas seus pais não deixaram por não ser possível “desligá-la”. Então, ganhou uma guitarra e durante os dois primeiros anos com o instrumento, aprendeu o instrumento de ouvido.

Seu gosto musical versátil durante a adolescência colaborou para a sua formação e performance únicas. Ao mesmo tempo que gostava de bandas de thrash metal como Slayer, Metallica e Sepultura, apreciava os Beatles e cita John Lennon como sua maior influência na composição de letras.

Pré-System

No ano de 1993, Daron Malakian conheceu Serj Tankian, que até então era tecladista, ensaiando no mesmo estúdio mas com bandas diferentes. A primeira banda com os dois foi formada logo depois.

Nomeada Soil, contava com Shavo Odadjian como guitarrista base e empresário. Logo, Shavo se tornou o baixista. Permaneceram com o baterista Andy Khachaturian, que foi substituído por John Dolmayan em 1997. Nascia, então, o SOAD.

Veja também:  Dia Mundial do Rock: entenda origem de data comemorativa

System Of A Down

A salada mista do SOAD tem muito de Daron Malakian. O grupo surgiu na onda do new metal, mas não tem nada desse gênero. Agrega elementos do rock/metal alternativo no geral, tendo muito de Faith No More, além de elementos do thrash metal, jazz/fusion, rock/metal industrial e folk music da Armênia.

Apesar do atual hiato que a banda vive, sua influência permanece notável. O grupo, que pode voltar às atividades a qualquer momento, conquistou a primeira posição das paradas dos Estados Unidos em três de seus cinco lançamentos.

A fama do SOAD no Brasil vem desde os primórdios do grupo. Mesmo em tempos não tão globalizados, seus dois primeiros trabalhos, “System Of A Down” (1998) e “Toxicity” (2001) conquistaram disco de platina e ouro, respectivamente, por vendas acima da média.

Veja também:  Top 10: As introduções mais famosas de todos os tempos

O grupo, aliás, arrastou multidões em sua única turnê pelo Brasil, que aconteceu em 2011 e contou com shows nas cidades de São Paulo (Chácara do Jockey) e Rio de Janeiro (Rock In Rio IV).

Além-SOAD

Alguns anos após o estouro do System Of A Down, Daron passou a comandar, assumindo os vocais principais além da guitarra, um projeto paralelo. Foi justamente do Scars On Broadway que nasceu um dos grandes hits do System: “B.Y.O.B.”, lançada em 2005.

https://www.youtube.com/watch?v=GtKFs_D0WvA

O Scars On Broadway contou com John Dolmayan até o ano passado e tem apenas um disco lançado, autointitulado, de 2008, além de dois singles posteriores. Há rumores de que o grupo deve colocar nas prateleiras um novo disco neste ano, com a bateria gravada pelo próprio Daron. No entanto, não há atualizações sobre esse trabalho.

Malakian também atua como produtor, tendo trabalhado com as bandas The Ambulance e Bad Acid Trip. Além disso, participou como baterista em uma música do Cypress Hill.

#comentários