As 20 músicas mais chatas de todos os tempos

Não adianta, quando elas começam a tocar a única coisa que você sente é vontade de correr para as montanhas! As músicas selecionadas abaixo não são necessariamente ruins, são apenas músicas que por algum motivo, se tornaram insuportáveis para os ouvidos de grande parte do público.

Elas são consideradas chatas por diversas razões: Tocaram demais nas rádios ou em qualquer lugar que tivesse uma caixa de som; possuem refrãos chiclete e repetitivos ou sem o menor sentido; são simplesmente chatas.

Que fique claro: Estamos nos referindo às músicas, não aos cantores e bandas que as interpretam.

Para não dizer que temos preconceito, todos os gêneros foram considerados para a lista, afinal fazer música chata não é exclusividade de ninguém.

Veja quais são:

Luan Santana – Meteoro

Quem no Brasil nunca se pegou repetindo por osmose “Como é bom poder te amar?” não sabe o que é ficar prisioneiro de uma música.

João Lucas e Marcelo – Eu quero Tchu, Eu quero Tcha

A frase indecifrável que não é apenas o refrão como basicamente toda a letra da música, se supera quando chega ao seu clímax, em uma mistura de ritual indígena com possessão demoníaca.

Gusttavo Lima – Tchê Tchê Rere

https://www.youtube.com/watch?v=rwDLu_u2GHI

Todos nós, até o Gustavo Lima e você ficaram de saco cheio de ouvir essa música, mesmo com todo o brilhantismo da letra.

Aqua – Barbie Girl

Veja também:
Paul McCartney afirma ter visto Deus em experiência com droga psicodélica

O típico exemplo de música chiclete que agarra no seu subconsciente e fica na sua cabeça por dias, mesmo com todas as células do seu corpo gritando por ajuda.

Mc Federado e os Leleks – Passinho do volante

Você não podia esboçar um simples “Ah” que aparecia um infeliz e completava leleke leke leke…

Los Del Rio – Macarena

https://www.youtube.com/watch?v=XiBYM6g8Tck

Além do refrão pegajoso, sempre que a mesma toca, a dancinha de mais de duas décadas vem atrás.

James – Blunt – You´re Beautiful

A música é bonita, romântica e derreteu corações. Mas convenhamos, encheu o saco! Ninguém aguentava mais ouvir a voz de James Blunt, tanto que a intolerância com a música se estendeu paras outras, como “High” e “Same Mistake”.

Ana Carolina – É Isso Aí

https://www.youtube.com/watch?v=P4qY0vrll-w

Quando começava a primeira frase da música, já começava a bater a depressão em quem estivesse ouvindo. Não necessariamente porque a música é triste, mas porque ninguém mais aguentava a voz da cantora cantando a regravação de “Can´t Take My Eyes Off You” de Damien Rice. Cantores de churrascaria em especial adoram tocar a faixa até hoje.

Celine Dion – My Heart Will Go On

Começou como hit, embalando o sucesso cinematográfico do filme Titanic em 1997. Virou tema de casais e muita gente quase se matou gritando o refrão no chuveiro. Depois de tocar em tudo que era lugar, nem a própria Celine queria mais ouvir sua voz.

Veja também:
Lennon ou McCartney? Estatísticos descobrem quem compôs 'In My Life', dos Beatles

Justin Bieber – Baby

Justin Bieber tem milhões de fãs, provavelmente número proporcional as pessoas que não são muito chegadas ao rapaz. Mas uma coisa ninguém pode negar, você cantou o refrão de Baby pelo menos uma vez, e se deu azar, ficou com ele pelo resto da semana na cabeça.

Bobby McFerrin – Don´t Worry Be Happy

A música é bonitinha , tem alto astral e um dos assobios mais pegajosos do mundo. Mas por favor! Precisava repetir tantas vezes o refrão?

Whitney Houston – I Will Always Love You

A música mais famosa da cantora é também a mais famosa dos Karaokês da vida. Não podemos esquecer que também é uma das favoritas de qualquer show de calouros.

USA For Africa – We Are The World

https://www.youtube.com/watch?v=OoDY8ce_3zk

A reunião de vários artistas para arrecadar fundos para as crianças na África foi um belo gesto encabeçado por Michael Jackson e Lionel Ritchie. Mas logo, a música tema do projeto virou um verdadeiro chiclete.

Legião Urbana – Pais e Filhos

A banda liderada por Renato Russo foi com certeza uma das mais importantes do cenário nacional, mas nem isso os salva de ter feito músicas chatas também. “Pais e Filhos” é quase sempre a única música que qualquer um sabe tocar no violão em uma roda de amigos. Além disso, você já parou pra entender a letra? Se sim, dá pra explicar, por favor?

Veja também:
Ricky Martin afirma que 'sair do armário' fez muito bem para sua carreira

Los Hermanos – Anna Júlia

Era Anna Júlia para todos os lados, na televisão, no rádio, na rua, no nome de bebês… Até a própria Anna Júlia que inspirou a música deve ter ficado de saco cheio.

Ivete Sangalo – Sorte Grande

Não dá pra entender porque o nome da música não é “Poeira”, já que essa palavra é repetida pelo menos umas 24332 vezes durante a música.

Lou Bega – Mambo Nº 5

Basicamente um homem falando todos os nomes de mulheres possíveis. Tem como não ser chato?

Guns n´Roses – Patience

Sim, vamos polemizar e incluir a música amada por todos os fãs da banda! Em defesa do Guns, a música não é originalmente chata, e sim, se tornou com o passar do tempo e as execuções infinitas da mesma, principalmente por bandas covers.

Nirvana – Smells Like Teen Spirit

É basicamente o mesmo caso de “Patience”. Uma música boa e adorada, mas dificilmente é a preferida dos fãs do Nirvana. Motivo: Quando se fala em Nirvana, é sempre ela a ser lembrada por todos, e isso é chato.

The Beatles – Obladi Oblada

Até o quarteto fantástico de Liverpool de vez em quando deixava a desejar. É o caso com Obladi Oblada, que inclusive já foi eleita como a pior música do mundo. Mas convenhamos, tem coisa muito pior por aí do que q música dos Beatles né?

Compartilhar