Top 10: Músicas que você já tentou assobiar

Não é qualquer um que domina a arte do assobio, mas goste ou não, quando menos espera, lá está você fazendo biquinho e tentando assopra a melodia de uma música. O assobio tem o poder psicodélico de se infiltrar no cérebro e ficar por lá, martelando na sua cabeça por dias.

E, Já que eles grudam mesmo, confira e tente reproduzir as 10 melhores músicas assobiadas da história.

Young Folks – Peter, Bjorn e John

A banda sueca ganhou o mundo em 2006 quando fizeram essa melodia gostosa para incentivar o óbvio, a não tirar mais os assobios da cabeça

Patience – Guns n’ Roses

E pela primeira vez quando se trata de Guns n’ Roses o guitar hero, Slash foi completamente ofuscado pelos assobios de Axl Rose. E que jogue a primeira pedra quem nunca assobiou junto com o rockeiro.

Pumped up kicks – Foster the People

A banda californiana de Indie rock lançou em 2011, a música Pumped Up Kicks, que estourou nas rádios com sua levada suave e ritmo contagiante.

Don´t worry be happy – Bobby McFerrin

Os assobios de Bobby McFerrin em Don’t Worry be happy traduzem exatamente o estilo despreocupado de viver uma vida feliz. Impossivel não sorrir com a música.

Scorpions – Wind of Change

O obscuro assobio de introdução da música escrita por Klaus Meine, vocalista do Scorpions virou o hino que marcou a derrubada do muro de Berlin na Alemanha. A canção simboliza um período de grandes mudanças socioeconômicas e culturais com o fim da Guerra Fria.

Veja também:
60 anos de Michael Jackson, o eterno e insuperável Rei do Pop

Whistle – Flo rida

O Flo rida conseguiu fazer a mistura perfeita entre Rap e Pop com a música Whistle. Você pode nem gostar do resto da música, mas é impossível resistir ao assobio.

Moves like Jagger – Maroon 5

O Maroon 5 conseguiu emplacar seu hit mais grudento com a participação de Christina Aguilera. A música “chiclete” tocou em toda parte, inclusive em muitos toques de celular.

https://www.youtube.com/watch?v=tyL9H5n_sxQ

In Love Generation – Bob Sinclair

Prepare-se para assobiar o resto do dia “In Love Generation”. Quase impossível não reproduzir a melodia de Bob Sinclair.

Home – Edward Edward Sharpe & The Magnetic Zeros

Transpira o espírito da liberdade e do amor. “Minha casa é onde quer que eu esteja com você”, diz a letra. O assobio lembra as trilhas que Ennio orricone fazia para os filmes de caubóis. Mistura imbatível.

Jealous Guy – John Lennon

John até tentou colocar a música no álbum branco dos Beatles, mas essa não serviu e foi colocada na gaveta. Após uma briga com Yoko Ono, o músico resolveu lança-la como um pedido de desculpas. E deu certo!

Compartilhar