Apresentador que chamou Ludmilla de “macaca” é demitido da Record

Comentário infeliz sobre Ludmilla viralizou nesta semana (Divulgação)

Comentário infeliz sobre Ludmilla viralizou nesta semana (Divulgação)

O apresentador da versão do programa “Balanço Geral” da Record em Brasília, Marcão, foi demitido. Ele havia chamado Ludmilla de “macaca” durante uma edição do show televisivo.

A informação foi divulgada pela Record, em comunicado oficial. “A Emissora repudia qualquer ato dessa natureza e afirma que este tipo de conduta não está na linha editorial de nosso Jornalismo. Por este motivo, a Record TV Brasília optou por rescindir o contrato do apresentador Marcão”, diz.

O comentário infeliz foi feito no último dia 9, contudo, ganhou repercussão nacional somente na noite da última terça-feira (17). Durante o programa, a jornalista Sabrinna Albert divulgava a informação de que Ludmilla despistava fãs em um restaurante para não tirar fotos com eles. O apresentador Marcão, por sua vez, comentou o ocorrido e se referiu à cantora como “pobre e macaca”.

“É uma coisa que não dá para entender. Era pobre e macaca! Pobre! Pobre, mas pobre, mesmo”, afirmou Marcão, durante o programa de TV. O apresentador parece ter notado, de imediato, o que disse. Então, logo tentou consertar. “Eu sempre falo para os meus amigos, eu também era pobre e macaco. Hoje eu digo que sou rico de saúde, graças a Deus”, comentou.

O vídeo com a declaração de Marcão causou polêmica nas redes sociais. Antes de ser demitido, o apresentador tentou se explicar e disse que não foi racista.

Veja também:
Antes e depois: Gusttavo Lima brinca com aparência do passado e se diverte com fãs

“O termo ´macaco´ é utilizado no Centro-Oeste sem teor pejorativo. Por exemplo: é bastante comum ver pessoas dizendo que ´fulano é macaco velho´, pois já tem certa vivência em determinada coisa. É a mesma situação presente no vídeo, com a simples mudança do adjetivo que acompanha o termo. A acusação de racismo não procede”, disse.

Queixa

A situação chegou aos ouvidos de Ludmilla, que revelou que prestará queixa contra o apresentador de TV. Por uma rede social, ela compartilhou o vídeo e comentou sobre o ocorrido.

“Infelizmente, ainda existem pessoas que não compreendem que a discriminação racial é crime e alguns, ainda usam o espaço na mídia para noticiar mentiras ao meu respeito, ofender, menosprezar e propagar todo o seu ódio. Não deixaremos impune tais atos, trata-se de um desrespeito absurdo, vergonhoso”, disse, em parte do texto.

Ela continua: “Fica evidente que esse cidadão Marcão não possui nenhum pudor ou constrangimento em ofender alguém em rede nacional. Como já foi dito por Paulo Autran, ´todo preconceito é feito da ignorância´, visto que os racistas não possuem um conhecimento de moralidade, tratando sua própria cor de pele como superior e única. Isso tem que ser combatido e farei a minha parte, quantas vezes for necessário”.

Por Igor Miranda

#comentários

Compartilhar