Fotos: Divulgação

Artistas internacionais aderem às campanhas anti-Bolsonaro nas redes sociais

Até mesmo a galera gringa, aparentemente, está de olho no cenário político brasileiro. Após a popularização de uma grande campanha que vai contra a candidatura de Jair Bolsonaro, vários artistas brasileiros têm se posicionado nas redes sociais.

Agora, chamou a atenção que duas cantoras de outros países também deram suas contribuições ao movimento. A inglesa Dua Lipa e a americana Lauren Jauregui, ex-Fifth Harmony, usaram suas redes sociais para compartilharem a hashtag #EleNão, principal grito de guerra da campanha. O ator mexicano Alfonso Herrera, conhecido por ter sido integrante do grupo RBD, também se posicionou.

Dua Lipa se manifestou usando sua conta no Twitter. Ela retuitou uma mensagem de uma pessoa que comparou Bolsonaro ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Ao texto, ela acrescentou apenas a hashtag.

“E você achava que Trump era ruim: ‘Ele disse que preferia que seu filho morresse a ser gay. E, na frente das câmeras, ele falou a uma congressista que ele não a estupraria porque ela é feia’. Brasil flerta com um retorno aos dias sombrios”, dizia o tuíte original. Confira:

Já a cantora Lauren Jauregui se manifestou usando seu perfil no Instagram. A princípio, ela curtiu uma postagem feita por Pabllo Vittar sobre o assunto. Em seguida, ela republicou a mensagem utilizando a função Stories.

Veja também:
Em show, Dua Lipa manda expulsar modelo com camiseta pró-Bolsonaro

Veja:

Alfonso Herrera, muito conhecido no Brasil por ter participado do grupo RBD, também se posicionou usando o Twitter. Ele compartilhou a capa de uma revista que fala sobre Bolsonaro e escreveu: “nova ameaça latinoamericana”. Veja:

Anitta não se posiciona sobre Bolsonaro, é cobrada por fãs e ameaçada de boicote