Fotos: Divulgação/Reprodução/YouTube

Azealia Banks volta a xingar Pabllo Vittar e ataca artistas brasileiros

Após enorme polêmica no final de 2018 (relembre clicando aqui), a rapper Azealia Banks voltou a atacar Pabllo Vittar. Em mensagem enviada a um fã através de sua conta do Instagram, a norte-americana detonou a drag queen e aproveitou para criticar, também, todos os artistas brasileiros de maneira geral. Para ela, nosso país produz músicos “de nível C”, que tentam copiar o “nível A internacional”.

Quem provocou o ataque raivoso foi o próprio fã, que enviou uma mensagem à cantora pedindo que ela se desculpasse com a comunidade LGBT pelas ofensas à Pabllo Vittar proferidas no ano passado.

Azealia Banks claramente não gostou da mensagem. Em tom de ironia, ela abusou do deboche em um longo desabafo em resposta ao seguidor.

Ela acredita que os artistas brasileiros deveriam valorizar os ritmos nascidos em nosso país, como a bossa nova e o funk. Ao contrário disso, ela os acusa de tentar seguir uma fórmula estabelecida nos Estados Unidos.

Confira a resposta na íntegra:

“Como que eu ofendi toda uma comunidade ao dizer a uma drag queen que ela não está entregando a feminilidade que ela acha que está entregando em sua cabeça? Risos”, começou Azealia.

“Pabllo entrega uma grande vibe de artista de nível C ao conscientemente fazer de sua arte uma réplica direta ao estilo Cabaré do que os artistas de nível A estão fazendo. Eu sinto que vários artistas brasileiros têm um estilo ‘audição de American Idol’ forçado em sua arte que é honestamente tão desnecessário. O Brasil tem uma cultura tão profunda, rica e única… A cultura norte-americana é tão vazia e pobre (risos), meu maior desejo é que Pabllo ache sua verdadeira voz artística. Ela ainda não tem uma. Ela copia o que ela vê então ela demanda respeito de um artista que trabalhou duro e literalmente sofreu para achar sua voz. E dito isso, eu ainda nunca irei abrir um show para essa vadia e não, eu não sinto muito. Risos”, completou.

Em seguida, utilizando a função Stories de sua conta do Instagram, ela decidiu falar um pouco mais sobre o assunto e continuou com os ataques.

“Sem tentar trazer de volta à tona uma treta antiga mas vocês não entendem o que eu quero dizer sobre as estrelas pop brasileiras? Eu acho que a maioria deles é inteiramente muito talentosa para apreciar a cultura ocidental o tanto que eles apreciam (risos)… Tipo, por que pagar tributo a todas as nossas estrelas ocidentais bregas quando a cultura brasileira e música, a Bossa Nova e Funk devora qualquer uma das besteiras que fazemos deste lado risos… Pode ser um pensamento controverso, mas eu realmente sinto que as estrelas pop do Brasil meio que tentam educadamente escalar até o pop ocidental quando eles deveriam simplesmente arrancar as cabeças dessas garotas com as suas raízes e batidas brasileiras e profundo poder e energia espiritual. Eu estou provavelmente tendo outra profecia de terceiro olho que é intencionalmente boa mas que soa uma bagunça… Agora tchau, risos”, escreveu.

Curiosamente, pesquisas especializadas na indústria fonográfica comprovam que, apesar de a rapper achar o contrário, Pabllo Vittar é uma artista bem mais relevante na atualidade do que ela. Os números analisados consideram seguidores nas redes sociais, faturamento em vendas e quantidade de reproduções em plataformas de streaming.

Além disso, análises de projeções para o futuro posicionam Pabllo em uma escala ascendente nos próximos anos. Enquanto isso, as probabilidades apontam para uma queda progressiva de Azealia Banks.

Veja também:
Serasa pede desculpas a Anitta após anúncio polêmico envolvendo Pabllo Vittar