Foto: divulgação

Bohemian Rhapsody vence 4 prêmios Oscar e Queen faz show na cerimônia

O filme “Bohemian Rhapsody”, cinebiografia sobre o Queen, conquistou quatro dos cinco prêmios em que concorria no Oscar 2019. O evento mais importante do cinema foi realizado na noite do último domingo (24), em Los Angeles, nos Estados Unidos.

O prêmio mais importante conquistado por “Bohemian Rhapsody” foi o de Melhor Ator, pela interpretação que Rami Malek fez do vocalista Freddie Mercury. A produção se consagrou, ainda, nas categorias técnicas de Melhor Edição, Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som.

O Queen, junto do vocalista Adam Lambert, ainda realizou uma apresentação que abriu a cerimônia. Assista:

A única categoria em que “Bohemian Rhapsody” concorreu, mas não conseguiu vencer, foi a de Melhor Filme, a principal da cerimônia. O prêmio em questão ficou para “Green Book: O Guia”. A produção, que também tem teor musical, retrata a relação do pianista negro Don Shirley com seu motorista branco, Tony Vallelonga. O longa também levou as estatuetas de Melhor Ator Coadjuvante (pelo trabalho de Mahershala Ali) e Melhor Roteiro Original.

Veja, abaixo, o discurso de Rami Malek após ter vencido o prêmio de Melhor Ator:

Outro filme conduzido pela música, “Nasce Uma Estrela”, venceu a categoria de Melhor Canção com a música “Shallow”, gravada pelos protagonistas Lady Gaga e Bradley Cooper. Veja, a seguir, os vencedores do Oscar 2019:

  • Melhor Atriz Coadjuvante: Regina King (Se a Rua Beale Falasse)
  • Melhor Documentário: Free Solo
  • Melhor Maquiagem: Vice
  • Melhor Figurino: Pantera Negra
  • Melhor Fotografia: Roma
  • Melhor Direção de Arte: Pantera Negra
  • Melhor Edição de Som em Filme: Bohemian Rhapsody
  • Melhor Filme Estrangeiro: Roma
  • Melhor Edição: Bohemian Rhapsody
  • Melhor Ator Coadjuvante: Mahershala Ali (Green Book – O Guia)
  • Melhor Filme de Animação: Homem-Aranha no Aranhaverso
  • Melhor Curta de Animação: Bao
  • Melhor Documentário Curta-Metragem: Absorvendo o Tabu
  • Melhor Curta-Metragem: Skin
  • Melhores Efeitos Visuais: O Primeiro Homem
  • Melhor Roteiro Original: Green Book – O Guia
  • Melhor Trilha Sonora Original: Pantera Negra
  • Melhor Canção Original: “Shallow” (Nasce Uma Estrela)
  • Melhor Roteiro Adaptado: Infiltrado na Klan
  • Melhor Ator: Rami Malek (Bohemian Rhapsody)
  • Melhor Atriz: Olivia Colman (A Favorita)
  • Melhor Diretor: Alfonso Cuarón (Roma)
  • Melhor Filme: Green Book – O Guia

Rami Malek diz que gravar cena de ‘Bohemian Rhapsody’ foi como usar drogas

Igor Miranda é jornalista que escreve sobre música desde 2007 e com experiência na área cultural/musical. Contato: [email protected]