Courtney Love processa advogada que “arruinou sua relação com a filha”

Reprodução

Segundo Courtney Love, seu relacionamento com a filha, Frances Bean Cobain, foi destruído por causa de uma suposta conspiração de sua advogada, que ilegalmente se meteu em suas vidas. É isso que consta no processo movido pela viúva do líder do Nirvana. As informações são do site TMZ.

Love diz que contratou a advogada, Rhonda J. Holmes, em 2008 para ajuda-la a encontrar alguns milhões de dólares que a cantora suspeitava terem sido roubados do espólio de seu marido, Kurt Cobain. Em seu processo, Love afirma que Holmes passou meses no caso, mas nunca teve nenhum progresso real, porque segundo ela estava “muito ocupada” com outras coisas. A cantora também alega que Holmes tentou minar sua relação com a filha, escrevendo em segredo uma suposta carta bizarra para Frances, com 16 anos na época.

Segundo os documentos, a carta da advogada alertava Frances para uma “conspiração muito assustadora” e que “pessoas horríveis estavam atrás dela”. Na carta também dizia que “quanto mais cedo eu tiver seu apoio e o controle de seu fundo fiduciário, mais cedo eu poderei tirar esse assunto das mãos de sua mãe.”

Courtney diz que não descobriu sobre a carta durante dois anos e que ela nunca deveria ter sido escrita, já que é uma quebra do sigilo entre advogado-cliente.

Veja também:
Nos anos 80, Michael Jackson pediu para interpretar James Bond no cinema

Ela ainda diz que a carta destruiu seu relacionamento com a filha, alegando que Frances se convenceu de que não podia confiar nela para tomar decisões certas. Courtney está processando Holmes negligência legal e entre outras coisas, angustia emocional.

Por Débora Blezer

Compartilhar