Ed Sheeran é processado em 20 milhões de dólares por plágio em “Photograph”

'Photograph' foi lançada por Ed Sheeran em 2014 (Divulgação)

‘Photograph’ foi lançada por Ed Sheeran em 2014 (Divulgação)

Ed Sheeran foi notificado judicialmente de uma ação movida por dois músicos da Califórnia, nos Estados Unidos. Martin Harrington e Thomas Leonard pedem US$ 20 milhões pelos direitos autorais da música “Photograph”.

De acordo com a ação judicial, os compositores alegam que “Photograph”, lançada em 2014 no álbum “X”, tem uma estrutura melódica muito semelhante à de uma música divulgada por eles em 2009, intitulada “Amazing”. A canção de Harrington e Leonard chegou a ser cantada por Matt Cardle, vencedor do “The X Factor”, durante a edição do reality show em 2010.

A acusação afirma que “Photograph” tem 39 notas idênticas a “Amazing” e que as semelhanças são perceptíveis para o observador comum. “A semelhança das palavras, o estilo vocal, melodia vocal, melodia e ritmo são indicadores claros da cópia”, afirma o texto judicial.

O compositor Johnny McDaid, co-autor de “Photograph”, e as empresas Sony/ATV, Warner Music e Atlantic Recording também são réus no processo. Até o momento, ninguém se manifestou publicamente sobre o caso.

Compare as músicas:

Por Igor Miranda

Compartilhar