Em indireta, Demi Lovato critica “feminismo” de Taylor Swift

Demi Lovato dá a entender que não se dá bem com Taylor Swift (Divulgação)

Demi Lovato dá a entender que não se dá bem com Taylor Swift (Divulgação)

Demi Lovato concedeu uma entrevista polêmica ao site da revista Refinery29. Em alguns momentos, a popstar fala de Taylor Swift, cantora que Lovato criticou recentemente nas redes sociais – mas sem mencionar o nome da loira.

As indiretas foram ocasionadas após Demi Lovato ser questionada sobre a doação de US$ 1 milhão que Taylor Swift fez a Kesha. A cantora, que processa o produtor Dr. Luke por abuso sexual, recebeu o valor de Swift, como forma de apoio, para custear as ações judiciais na justiça dos Estados Unidos.

Lovato, que já havia criticado a atitude nas redes sociais anteriormente, respondeu: “Não sei o que aconteceu e não é da minha conta. não há nada de positivo em colocar uma mulher contra outra. Existem mulheres que não se dão bem e pronto”.

A popstar criticou, ainda, a ideologia feminista de Taylor Swift. “Não se intitule feminista se você não trabalha nisso. Tenho um respeito imenso por mulheres como Lena Dunham ou Beyoncé, que fazem afirmações políticas por meio de seus trabalhos”, afirmou.

Sobre as críticas que fez a Taylor Swift no Twitter, Demi Lovato foi sucinta. “Fico impulsiva no Twitter, foi o que aconteceu”, afirmou. Na ocasião, Lovato havia dito para que Swift levasse algo ao Congresso americano ou se manifestasse de verdade sobre o assunto.

Veja também:
Preta Gil conta que dormia na aula para ir a shows com seus pais

Por Igor Miranda