Etta James, ícone do soul, morre aos 73 anos

Etta James, ícone do soul, morre aos 73 anos

Etta James lançou em novembro o último disco da carreira, 'The Dreamer'

Etta James lançou em novembro o último disco da carreira, ‘The Dreamer’

Faleceu nesta sexta-feira (20) a cantora Etta James. A artista, que iria completar 74 anos no final deste mês, foi vítima de leucemia e no momento da morte estava ao lado da família. “Ela era uma cantora verdadeira e original”, disse Lupe de Leon, empresária e amiga de James.

Nascida no dia 25 de janeiro de 1938, em Los Angeles, Etta James começou a cantar na igreja aos cinco anos e ganhou fama nas décadas de 1950 e 1960, quando adotou os estilos Blues e Rhythm and Blues (R&B). No repertório de canções mais conhecidas destacam-se a versão de ‘At Last’ (Mack Gordon e Harry Warren), ‘The Wallflower’ e ‘Good Rockin’ Daddy’.

Com mais de 30 discos lançados, a artista ganhou seis prêmios Grammy, além do reconhecimento no Hall da Fama do Rock, em 1993 e no Hall da Fama do Blues em 2001.

A artista sofria problemas de saúde e passou pelo vício por heroína e luta contra a obesidade. Nos últimos meses foi internada diversas vezes mas manteve a carreira em andamento. Em novembro de 2011, lançou o último disco, ‘The Dreamer’.

‘Good Rockin’ Daddy’:

‘The Wallflower’:

‘At Last’:

Por Carolina Tollstadius

Compartilhar