Foto: Reprodução/TV Globo

Ex-vocalista do Sambô participa do ‘Se Vira Nos 30’ e desabafa sobre Faustão

O ex-vocalista do extinto grupo Sambô, Sandamí, foi um dos concorrentes do clássico quadro ‘Se Vira Nos 30’, neste domingo (28), no ‘Domingão do Faustão’, na TV Globo. Ele se apresentou ao lado da ‘Banda Que Voa’, seu atual projeto e, ao final, usou as redes sociais para desabafar sobre a forma como foi recebido pelo apresentador.

Ele reclamou de ter tido seu número cortado ao meio por Faustão, que “não entendeu e não gostou” da apresentação. Ele também citou o fato de Fausto Silva ter errado o nome da banda e com sua “falta de educação”. Ainda, ele relembrou que nem sequer foi reconhecido quando participou anteriormente do programa, tendo vencido o mesmo quadro.

Conversando com ele, o apresentador reclamou da organização do quadro. “Está tudo errado essa ficha. Ai, meu Jesuzinho. Quanto tempo tem a banda?”, perguntou. “A gente começou agora, fizemos três apresentações”, respondeu Sandamí.

Por fim, após chamar o espetáculo de “Banda Voadora”, Faustão debochou do número e não se dirigiu mais a Daniel. “Tem uma banda que voa, eles tocam no ar”, disse uma assistente de palco. Fausto retrucou: “Ô Fany, você também já está fazendo pegadinha. Tem coisa de voar coisa nenhuma. Assim como vocês são enganados aqui, nós também somos. Aqui ninguém voou, banda que voa… Às vezes a gente entra nisso”.

Veja também:
Os números do sucesso: todos os recordes históricos que Drake já bateu

Confira o desabafo completo:

View this post on Instagram

Para quem não viu, este é o vídeo da nossa apresentação no Se Vira nos 30. As imagens falam por si, é um espetáculo lindo. Fomos CONVIDADOS PELA PRODUÇÃO DO FAUSTÃO e no início pensamos em não aceitar, pois descaracterizaria nossa apresentação que acontece em alturas maiores, de 30 a 40 metros. Após algumas reuniões com a produção decidimos fazer e adaptamos para o quadro e espaço do programa, foi difícil e trabalhoso. Foram 28 pessoas envolvidas entre artistas e equipe e 28 horas de montagem ininterrupta, preparamos com a produção mais músicas para serem apresentadas, o que infelizmente não aconteceu porque o apresentador não entendeu e não gostou do número, mesmo tendo sido previamente aprovado. Confesso que me surpreendi com a falta de educação dele, primeiramente com sua equipe (que foram incríveis para o programa acontecer), depois errou o nome da banda (deslecho), etc…pois já participei do programa outras vezes, inclusive quando venci esse quadro. Somos artistas e profissionais sempre prontos para divulgar a nossa arte, a @ciak_kikocaldas tem 30 anos de experiência em criação, direção e execução de grandes espetáculos e eu 20 anos na música. Tenho orgulho de estar a frente desse projeto, com esses artistas e equipe e sigo minha carreira com amor e dedicação e sem me importar com Haters e a mídia sensacionalista. ✌🏼✨ @abandaquevoa

A post shared by San da Mí (@sandami) on