Imagem em câmera de segurança fez Victor Chaves ser indiciado

Imagem em câmera de segurança fez Victor Chaves ser indiciado

Victor é acusado de agredir a esposa, Poliana Chaves (Rep./Instagram)

Victor é acusado de agredir a esposa, Poliana Chaves (Rep./Instagram)

A Polícia Civil de Minas Gerais (PC-MG) afirma que imagens das câmeras de segurança do prédio onde reside Victor Chaves, da dupla Victor e Leo, mostram que ele empurrou a esposa, Poliana Chaves. Ele é acusado de agredir a mulher e foi indiciado nesta terça-feira (4).

A delegada Danúbia Quadros, responsável pelo caso, não pretende divulgar as imagens da câmera de segurança. Ela também não revela em que área a cena foi registrada pelo dispositivo de vídeo. No entanto, ela confirma que a situação foi, sim, captada pelo recurso digital.

Victor Chaves foi indiciado na manhã desta terça-feira (4), conforme anunciado, em nota, pela PC-MG. “A Polícia Civil, diante das provas coletadas, concluiu pelo indiciamento de Vitor (sic) Chaves pela contravenção penal prevista no artigo 21, do Decreto Lei 3.688, vias de fato, conforme demonstrado no laudo pericial das imagens das câmeras de segurança do prédio e pelo depoimento da vítima”, diz.

Em depoimento anterior ao site Ego, o advogado de Victor Chaves, Felipe Martins Pinto, disse que o sertanejo recebeu a notícia de forma tranquila. “Não tive acesso ao relatório da delegada, onde vai apontar a conclusão do caso. Mas ele já sabe (que foi indiciado), e está tranquilo. Ele confia na justiça, e na apuração do caso”, afirmou.

Veja também:
Justiça confirma que Shakira sonegou R$ 97 milhões em impostos na Espanha

Ainda segundo o jurista, o fato de Victor ter sido indiciado não representa uma reviravolta no caso. O advogado reforçou que o exame de corpo de delito, feito em Poliana Chaves pelo Instituto Médico Legal (IML), deu negativo para lesão corporal.

Felipe Martins Pinto deve convocar uma coletiva de imprensa assim que tiver acesso ao relatório da PC-MG.

Relembre

Victor Chaves foi acusado de agressão por Poliana Chaves no dia 24 de fevereiro. Ela foi a uma delegacia, em Belo Horizonte, para prestar queixa.

Apesar de ter negado qualquer agressão em uma carta divulgada dois dias depois, Poliana havia dito, em boletim de ocorrência, que foi jogada no chão e chutada por Victor. Ela também afirmou que teve a sua saída impedida do apartamento onde vivem por um segurança, além da irmã do sertanejo, Paula, que a teria ameaçado por mensagens de texto via celular.

Um dia após registrar queixa, Poliana Chaves, que está grávida de quatro meses, fez o exame de corpo de delito. O exame deu negativo para a suposta agressão, mas o caso segue em investigação pela Polícia Civil.

Recentemente, a assessoria de imprensa de Victor Chaves confirmou que ele e Poliana permanecem juntos, mesmo após toda a polêmica. Ela está grávida do segundo filho do casal, que se chamará João. Eles também têm uma filha de 1 ano, chamada Maria Vitória.

Veja também:
Pocah muda letra de música para poder cantar no 'Encontro'

Por Igor Miranda (@silvercm)

Igor Miranda é jornalista que escreve sobre música desde 2007 e com experiência na área cultural/musical.