John Lennon "não foi um bom pai", afirma filho do músico - Revista Cifras

John Lennon “não foi um bom pai”, afirma filho do músico

Hoje fotógrafo, Julian Lennon lançou exposições em SP (Henrique Padilha/Divulg.)

Hoje fotógrafo, Julian Lennon lançou exposições em SP (Henrique Padilha/Divulg.)

John Lennon foi um dos grandes músicos do século passado. Além de seu trabalho com os Beatles e em carreira solo, também utilizou a sua fama para transmitir a mensagem de paz.

No entanto, como John Lennon era enquanto pai? Morto em 1980, o músico deixou dois filhos: Julian, nascido em 1963, e Sean, de 1975. O primeiro foi fruto da união entre John e Cynthia Powell, enquanto o segundo tem Yoko Ono como mãe.

Durante passagem pelo Brasil para lançar duas exposições fotográficas, Julian Lennon rompeu um pouco desse mistério e falou, em entrevista ao site Vírgula, sobre a sua relação com John. E disse, sem meias palavras, que o lendário músico não foi um bom pai.

Veja também:  Cover de respeito. Walk off the Earth.

Questionado sobre qual foi a principal mensagem deixada por John Lennon, Julian respondeu: “Tem algumas coisas, na verdade. Uma, que ele não foi um bom pai. Duas, ele certamente acreditou em paz e amor, mas como eu disse antes, isso nunca chegou até mim”.

Julian disse que o lendário ex-Beatle viveu “sob dois pesos e duas medidas”. “Deixei isso para lá. Certamente, o perdoei. Consegui entender a vida que ele teve. Levou um bom tempo para eu entender isso, de verdade. Demorei para entender isso”, afirmou.

Ele complementa: “Ele queria paz tanto quanto eu quero paz, tanto quanto qualquer um de nós quer paz. Por sorte, alguns de nós tem uma plataforma melhor para passar esta mensagem ou de lembrar as pessoas sobre isso. Então, de muitas maneiras, eu aprendi bem com isso. E por isso que procuro passar esta mesma mensagem para a mídia nas plataformas que eu trabalho”.

Veja também:  Primeira cópia de álbum clássico dos Beatles vai a leilão

Durante a entrevista, Julian disse que quem realmente deu amor a ele foi a sua mãe, Cynthia Powell, falecida em 2015. “Ela me ensinou como voar sem asas. Que não importa a situação em que você esteja, se você quer algo, tem isso na cabeça e acredita, tudo é possível, tudo é alcançável”, revelou.

Hoje com 54 anos, Julian Lennon esteve em São Paulo para lançar duas exposições fotográficas na Leica Gallery: “Cycle” e “Rock n’ roll Suite”. A abertura foi realizada na quarta-feira (26). A entrevista concedida ao Vírgula pode ser acessada aqui.

Por Igor Miranda (@silvercm)

#comentários