Foto: Reprodução/Instagram

Lady Gaga relembra bullying que sofreu e desabafa: ‘nunca me senti bonita’

Capa da próxima edição da revista de moda ‘Allure’, Lady Gaga desabafou sobre autoestima, disse que já teve crises de choro e relembrou ter sofrido bullying quando era mais jovem, o que mudou toda a forma como ela se vê.

A cantora afirma que nunca se sentiu bonita e mesmo hoje, sendo ícone de moda e referência de beleza para muitas vezes, ela não se vê assim com tanta frequência.

“Nunca me senti bonita e ainda há dias que eu não me sinto”, desabafou Gaga na entrevista. “Todas as inseguranças com que lidei durante a minha vida por sofrer bullying, quando era mais jovem, voltam para me assombrar”, acrescentou.

Com esses traumas ainda tão presentes, a voz de ‘Shallow’ e outros hits afirma que se sente mais forte quando está maquiada. “Quando eu coloco maquiagem, eu me sinto uma super heroína por dentro. Me dá asas para voar”, analisou Gaga.

Veja também:
Lady Gaga é acusada de plágio em 'Shallow' e pode enfrentar processo

A cantora, apelidada de ‘Mother Monster’ pelos fãs, ainda disse ter ficado emocionalmente abalada várias vezes na estrada, especialmente durante a turnê ‘Joanne’ (2017-2018). Para superar isso e subir ao palco, ela diz ter contado com duas coisas: o apoio de sua equipe e a sensação de poder gerada pela maquiagem.

“Sarah [Tanno, maquiadora] me erguia do chão, me sentava em uma cadeira, enxugava minhas lágrimas e dizia: ‘eu vou colocar [maquiagem] no seu rosto agora'”, relembrou Gaga. “Se eu chorasse enquanto ela estava me maquiando, eu pedia desculpas e ela dizia: ‘tudo bem, estou aqui pra você’”, acrescentou a cantora, que chorou durante a entrevista ao recordar o episódio.

Ela continua: “Sarah fazia minha maquiagem, Freddie [Aspiras, o cabeleireiro de Gaga] meu cabelo, e eles me seguravam e diziam ‘olhe para você. Aqui está Lady Gaga. Você pode fazer isso. Vá e faça’. E eu ia e, no segundo que a luz me atingia, eu estava pronta!”, disse a cantora. “Mas não consigo fazer isso sem eles. Esse é o poder da maquiagem e da transformação para mim”.

Por fim, Gaga reconhece ter “muita sorte”. “Nem todo mundo tem uma Sarah, mas tenho muita sorte. E eu quero que isso sirva para quem está em casa e precisa desse estímulo. Se eles usam [maquiagem], ou não, eles podem pelo menos olhar para essas coisas e pensar: ‘É isso que ajuda Lady Gaga a brilhar em seus dias ruins. E eu quero brilhar hoje'”.

Veja também:
Paula Fernandes ironiza opinião de Luan Santana sobre 'Juntos': 'Lady Gaga gostou'
Compartilhar