Foto: Divulgação MC Daniel

MC Daniel acaba mostrando ‘demais’ ao se fantasiar de Homem-Aranha

MC Daniel se tornou o centro das atenções na web após decidir se fantasiar de Homem-Aranha – e compartilhar o resultado com os seguidores nas redes sociais. O famoso chamou atenção de muita gente e deu o que falar.

A noite de domingo (10) reservou uma surpresa para os seguidores de MC Daniel, que, por meio dos Stories do Instagram, resolveu exibir não apenas sua admiração pelo super-herói da Marvel, mas também seu físico, fruto de dedicação e exercícios.

Vestindo uma fantasia do Homem-Aranha extremamente colada ao corpo, MC Daniel não só se comparou ao personagem por sua forma física, mas também acabou mostrando um pouco além do planejado, devido ao tecido colante da roupa.

Com uma pitada de humor, ele brincou com a situação, dizendo: “Papo reto, eu não estou com shape do Homem-Aranha? Sem gravar aqui porque isso aqui ninguém precisa saber”, disse ele.

No mesmo momento, Daniel fazia questão de cobrir suas partes íntimas com as mãos, tentando esconder sua intimidade do público.

Não parando por aí, MC Daniel fez questão de destacar os resultados de seu novo regime de treinos, apresentando, com um orgulho, as transformações em seu corpo.

Veja também:
Bebê entra em coma alcóolico após tomar vinho na mamadeira

“Olha a coxa saltada! O peito, o ombro!”, exclamou, apontando cada novo contorno obtido com sua rotina de exercícios, em uma demonstração de satisfação com os avanços alcançados.

Confira nas imagens abaixo:

MC Daniel - Homem-Aranha

Fotos: Reprodução/Redes Sociais

Homem que matou ‘Homem-Aranha’ é condenado

Em um contraste de narrativas envolvendo o icônico personagem Homem-Aranha, de um lado, a leveza e o humor de MC Daniel, que, ao vestir-se como o super-herói para mostrar seu novo físico, acabou atraindo atenções de forma bem-humorada e até mesmo um tanto ousada.

Por outro lado, uma história mergulhada em tragédia e emoções profundas em Xaxim, Santa Catarina, na qual a vida de Bruno Vianna, um animador de eventos que também se vestia como Homem-Aranha, foi brutalmente ceifada.

Em um desfecho aguardado por muitos, a justiça finalmente pronunciou sua decisão sobre um crime que chocou o município de Xaxim, no Oeste de Santa Catarina.

O homem, acusado de orquestrar a morte brutal do animador de eventos de 26 anos que se fantasiava de Homem-Aranha, Bruno Vianna, foi condenado a 13 anos de reclusão em regime fechado.

A pena imposta reflete a gravidade de um ato duplamente qualificado por motivos fúteis e pela utilização de meios que impediram a defesa da vítima, além de incluir a corrupção de menores.

A condenação aconteceu após um julgamento que durou quase nove horas em Xaxim, sob os olhares atentos de uma comunidade abalada pela violência e pela perda de um cidadão exemplar.

Veja também:
Jon Bon Jovi apareceu em 'Malhação' e atuou com Luana Piovani em 1997

O Ministério Público de Santa Catarina, autor da denúncia, conseguiu demonstrar a culpabilidade do réu num caso que, até então, deixava muitas questões no ar.

O crime, ocorrido na noite de 10 de novembro de 2022, teve como cenário a Praça Pública do Centro de Xaxim, onde Bruno Vianna, vestido de Homem-Aranha, trazia alegria e entretenimento para todos ao redor.

Segundo relatos, o réu e um adolescente se aproximaram do local sob o pretexto de buscar pelo Homem-Aranha, mas suas intenções eram sinistras.

Em um momento de vulnerabilidade, a vítima foi brutalmente atacada pelo jovem acompanhante do acusado, que disparou três vezes, causando ferimentos fatais.

Veja fotos de Bruno Vianna:

Homem-Aranha - Bruno Vianna morto

Fotos: Reprodução/Redes Sociais

As motivações por trás desse ato hediondo apontam para um sentimento de ciúmes, segundo investigações conduzidas pelo delegado Wesley Costa. Uma relação passageira entre a vítima e a ex-namorada do acusado teria sido o estopim para esse desfecho trágico.

Enquanto o mandante cumpre sua pena, o adolescente envolvido no crime enfrenta uma medida socioeducativa de internação, determinada pela Justiça em fevereiro de 2023.

Seu envolvimento no crime, classificado como ato infracional análogo ao homicídio duplamente qualificado, leva a uma reflexão profunda sobre as consequências de atos impulsivos e as vidas que são irreversivelmente alteradas.

Estão juntos? Yasmin Brunet vai ao aniversário da vó de MC Daniel

Compartilhar