Foto: Reprodução/Instagram

MC Gui perde contrato e tem shows cancelados após vídeo polêmico

MC Gui se meteu em uma polêmica durante suas férias na Disney, nos Estados Unidos. Em suas redes sociais, o funkeiro publicou um vídeo rindo de uma menina e foi acusado de humilhar a criança, além de expor a imagem de uma menor de idade sem autorização.

Após a repercussão da história, MC Gui rapidamente apagou a publicação, mas isso não teria sido o suficiente para acalmar algumas empresas que tinham contratos com ele. De acordo com o portal ‘G1’, o artista já perdeu um contrato importante e teve dois shows cancelados.

Veja também:
MC Gui é acusado de praticar bullying em vídeo de criança na Disney

Uma loja, uma escola de idiomas e uma prefeitura, além de interromperem os contratos, se manifestaram publicamente contra a atitude de MC Gui.

Em suas redes sociais, a loja Black Nine California escreveu: “Informamos que a partir de hoje não venderemos mais a marca do Gui (MC Gui). Nós não compactuamos com qualquer tipo de preconceito, muito menos quando se trata de uma criança”. O estabelecimento vendia produtos licenciados do artista e informou que rompeu com o cantor nesta terça-feira (22).

Veja:

A escola de idiomas CNA na cidade de Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, cancelou um show que estaria marcado com o cantor para o dia 31 de outubro, para celebração do Halloween.

“Foi solicitado o cancelamento do show do cantor MC Gui. Reforçamos que ética e respeito fazem parte dos valores da nossa empresa e qualquer situação que vá contra nossos princípios em nenhuma hipótese é aceita”, relatou o contratante por meio de uma nota, sem citar diretamente o episódio polêmico.

Veja:

A prefeitura do município de Cambuquira, em Minas Gerais, também publicou uma nota informando que um evento que contaria com show de MC Gui em 2 de novembro também foi cancelado. O órgão público esclarece, no entanto, que não era responsável pelo evento e foi informado pelos organizadores que o cancelamento aconteceria.

Veja também:
Vídeo de Jojo Todynho indignada com MC Gui viraliza nas redes: 'babaca'

“[A prefeitura] informa ainda que não compactua com gestos de bullying de qualquer forma”, diz parte da nota oficial publicada. Confira:

Entenda a publicação

Na publicação que repercutiu negativamente nas redes sociais, MC Gui foca na garota que estava no fundo de um brinquedo e começa a rir, dizendo: “Chegamos na Disney, mano, olha isso! Gente! Neiva do céu”. Ao fundo, também é possível ouvir várias pessoas dando risadas e dizendo coisas como “Olha a menininha” e “Para de dar risada”.

Veja também:
50 Cent polemiza ao dizer que Chris Brown é melhor que Michael Jackson

A menina e seus familiares estavam fantasiados como os personagens da animação ‘Monstros S.A.’. Os internautas criticaram, principalmente, o fato de que a criança parecia constrangida com a situação, sem entender o que estava acontecendo.

Assista ao vídeo publicado por ele (o rosto da criança foi preservado):

Para piorar a situação, começaram a circular notícias nas redes sociais que afirmam que a garota filmada pelo cantor se chama July e estaria fazendo um tratamento de quimioterapia. Esse seria o motivo para ela estar usando uma peruca, supostamente.

Primeira retratação: ‘internet está muito chata’

Logo em seguida, com a intensa repercussão, MC Gui voltou a utilizar a função Stories de sua conta do Instagram para tentar se explicar. De acordo com ele, tudo não passou de uma brincadeira. Para ele, “a internet está muito chata”.

Veja também:
Ludmilla aponta racismo dentro da polêmica com Anitta em 'Onda Diferente'

“Realmente já fui zoado por alguns amigos e, mano, estão postando em sites de fofocas dizendo que eu estava fazendo bullying com a criança, e eu fiquei impressionado. Porque aqui nos Estados Unidos, eu vejo pessoas que são iguais aos personagens que estão nos filme. E no trem eu postei a menina que estava (parecida) com a personagem da Boo (do filme Monstros S.A), certo? E achei impressionante porque estava muito parecida. Eu dei risada, porque nunca tinha visto aquilo. E a internet está muito chata, eu não fiz bullying com a menina”, afirmou.

Ele revelou que a criança realmente notou que estava sendo filmada e contou que a mãe chegou a abordá-lo. “Ela até viu que eu estava filmando, a mãe dela que estava do lado veio falar com a gente. Eu não falo inglês, mas minha namorada fala e a gente acabou que meio fez uma brincadeira. Estou na Disney, estou de férias. Não preciso ficar me explicando, mas essa é a internet que a gente está usando hoje”, disse ele.

Confira o vídeo com as retratações:

Segunda retratação: pedido de desculpas e respeito

Mais tarde, MC Gui decidiu fazer um vídeo mais longo e se explicar mais detalhadamente sobre a história. Ele garante que a situação decorreu de forma amigável com a criança e sua família e que não estava tentando humilhar a menina. Ele pediu desculpas para as pessoas que tenham se ofendido, mas também pediu respeito.

Veja também:
Mara Maravilha acredita ter sido a Anitta de sua época

“O assunto repercutiu de forma injusta. Vários portais divulgaram dizendo que eu estava fazendo bullying com uma criança que estava no trem. Eu encontrei uma família fantasiada para curtir o Halloween na Disney, eles estavam como personagens do ‘Monstros S.A.’ e eu achei aquilo incrível, algo que eu nunca tinha visto em outro lugar. Então eu fiz um vídeo. Em todo momento eles estavam daquela forma que eu mostrei. Eles não viram o vídeo e se sentiram constrangidos”, disse o MC.

“Em momento algum eu pensei em fazer isso para atacar alguém ou fazer bullying, principalmente com uma criança. Não sou uma pessoa de má índole, tenho família. A todos os artistas e influenciadores, é mais bonito me dar conselho, me ajudar. Não acho legal distribuir ódio na internet”, desabafou.

Assista:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por MC GUI 👑 (@mcgui) em

Veja também:
Drake quer gravar versão em inglês de funk de Kevin O Chris, diz jornal
Compartilhar