Pai de 6, Leonardo revela medo da cadeia: ‘tenho um prédio só para pagar pensão’

O colunista Leo Dias, do portal ‘Uol’, tem investido em longas entrevistas em que consegue arrancar declarações polêmicas das celebridades e ganha bastante destaque nas redes sociais. Após um papo que deu o que falar com o controverso cantor Eduardo Costa, o novo entrevistado foi o sertanejo Leonardo.

Veja também:
Eduardo Costa fala de vício em sexo, traição e faz revelações íntimas

Em certo momento da conversa, que foi gravada na cidade de Barretos, o sertanejo de 56 anos acabou abrindo o jogo sobre o relacionamento com seus filhos. Ele confessa que, apesar de viver conturbações, tem muito carinho por todos os seis – um de cada mulher diferente.

Leonardo, que estava acompanhado da esposa, a jornalista Poliana Rocha, confessou que morre de medo de ser preso. Sempre bem-humorado, ele acabou revelando que tomou uma medida inusitada para evitar “ir à cadeia”.

Com valores altíssimos de pensão alimentícia fixados para cada filho, ele explicou que fez um investimento para manter a vida da prole em dia: adquiriu um prédio comercial que serve exclusivamente para destinar a renda ao pagamento de pensão alimentícia.

“Comprei um prédio comercial lá em Goiânia e falei: ‘esse prédio vai render x por mês’. Esse dinheiro não me pertence. É só para pagar pensão alimentícia para me livrar da cadeia [risos]. Nunca cortei a pensão deles, sou um pai de coração bom”, afirmou.

Apesar de brincar com o medo da prisão, ele relembrou que a Justiça não o obriga mais a realizar o pagamento da pensão alimentícia, com exceção de João Guilherme – o caçula do sertanejo também já está prestes a completar 18 anos de idade.

Mesmo assim, ele preferiu continuar com os pagamentos mesmo após cada filho atingir a maioridade. Aproveitando o assunto, ele deixou uma ameaça no ar, sempre em tom de brincadeira: “O primeiro que falar de mim [na mídia], eu corto a pensão!”.

Confira a entrevista na íntegra:

Em outro momento, Leonardo abriu o coração e relembrou a morte do irmão Leandro, que chocou todo o Brasil há mais de 20 anos.

Mesmo após tanto tempo, o sertanejo admite que a saudade ainda é muito forte. “Espiritualmente ele está sempre conosco”, afirma.

Em um momento chamativo da conversa, que foi gravada na cidade de Barretos, Leonardo acabou fazendo uma confissão inesperada. Ele acredita que deve todo seu sucesso ao irmão e pensa que ele jamais teria chegado aonde chegou se não fosse por ele.

“Leandro me proporcionou uma vida que poucos têm hoje. Se não fosse por ele… ele foi o cara de pau. Eu não teria a coragem dele nunca, jamais. Se dependesse de mim, estaria na roça até hoje com certeza absoluta”, alegou, relembrando o passado de pobreza na área rural do interior do estado de Goiás.

Veja também:
Eduardo Costa diz que levou prejuízo milionário por apoiar Bolsonaro
Compartilhar