Paula Fernandes culpa crise por ano atípico em número de shows - Revista Cifras

Paula Fernandes culpa crise por ano atípico em número de shows

'Concorri ao Grammy Latino e lancei DVD', pormenorizou Paula sobre 2016 (Div.)

‘Concorri ao Grammy Latino e lancei DVD’, pormenorizou Paula sobre 2016 (Div.)

Sabe-se que o Brasil enfrenta uma crise econômica há alguns anos. E todos os mercados sofreram com isto, inclusive, o do entretenimento.

A cantora Paula Fernandes foi uma das artistas afetadas pela crise econômica. Ela falou sobre o assunto, durante uma participação no programa “Domingão do Faustão”, da TV Globo, no último domingo (8).

“Você fez quantos shows no ano passado? 150?”, questionou o apresentador Fausto Silva. Em resposta, Paula Fernandes disse: “Ah, perdi a conta, foi por aí. Na verdade, o ano passado foi um ano atípico por causa da crise”, afirmou.

A afirmação de Paula Fernandes não é muito clara com relação ao efeito da crise em sua agenda. Não se sabe se ela fez menos shows ou se ela precisou fazer mais apresentações com cachê reduzido, visto que o número estimado por ela – 150 – ainda é alto, com média de duas performances a cada cinco dias.

Veja também:  50 Cent polemiza com videoclipe de 'Be My Bitch'; Veja aqui

Apesar disso, Paula Fernandes reforçou que o ano de 2016 foi bom para ela. “Não tenho nada do que reclamar, concorri ao Grammy Latino e lancei DVD novo”, afirmou, em menção à indicação ao prêmio de “Melhor álbum de música sertaneja” por “Amanhecer” e ao lançamento da filmagem “Amanhecer ao vivo”.

#comentários

Compartilhar