Robbie Williams quebra silêncio e explica por que mostrou o dedo do meio na abertura da Copa - Revista Cifras

Robbie Williams quebra silêncio e explica por que mostrou o dedo do meio na abertura da Copa

Músico britânico gerou polêmica em plena abertura do Mundial de futebol (Repr.)

Músico britânico gerou polêmica em plena abertura do Mundial de futebol (Repr.)

O cantor Robbie Williams foi uma das atrações da festa de abertura da Copa do Mundo da Rússia, no último dia 14. Entretanto, não foram as canções do britânico que mais chamaram atenção do público.

O músico causou polêmica em sua apresentação. Em momento que foi bastante comentado nas redes sociais, Robbie exibiu o dedo médio para TV que transmitia a festa no Estádio Lujniki – esse gesto é considerado obsceno em quase todos os países do mundo.

Nesta terça (19), o cantor quebrou o silêncio e decidiu se pronunciar sobre a polêmica durante uma participação no programa ‘This Morning’, do Reino Unido.

Veja também:  Paula Fernandes teria ignorado fãs em programa de TV, diz blog

“Como é a Rússia?”, questionou um dos apresentadores do show.

“Muito legal. Eu fui para a Rússia e, eu não sei se você sabe, mas eu fiz a cerimônia de abertura de um evento chamado Copa do Mundo. Todos os times que jogam futebol, de vários países, jogam uns contra os outros e, quem ganhar, ganha um troféu!”, respondeu Robbie com ironia.

“E a última coisa que você quer fazer lá é distraí-los…”, completou o apresentador.

“Com certeza. Eu pensei ‘É muito importante, num evento como este, não causar um incidente internacional’. E, quer saber? Eu consegui. Eu estava sob pressão porque eu tinha apenas um minuto até o fim do show, e eu não sabia como eu conseguiria me apresentar em meio minuto, então eu fiz uma contagem regressiva!”, brincou o músico sobre o gesto que causou furor.

Veja também:  Avenged Sevenfold divulga vídeos de novo disco

“Eu não posso confiar em mim mesmo. A última coisa que eu disse para o meu agente antes de eu sentar nesse sofá foi ‘o que pode dar errado?’. Porque eu não sei o que eu vou fazer. Não há nenhum plano… o plano era cantar na nota certa e não cair. Este era o plano”, explicou.

O apresentador, então, questionou o que passou pela cabeça do cantor e por que ele fez o gesto: “Nada passou pela minha cabeça. Existe um espaço entre eu mesmo e o bom senso. Alguma coisa acontece e cinco minutos depois eu me pergunto: ‘Eu acabei de fazer isso? Sim! Eu fiz…'”.

Assista a entrevista (em inglês):

*Por José Elias Mendes

#comentários