Foto: reprodução / YouTube

Taylor Swift diz que quase desistiu da carreira: ‘se divertiam me odiando’

Taylor Swift refletiu sobre sua carreira na música e declarou, em entrevista à revista ‘Rolling Stone’, que cogitou desistir e sair de cena em 2016.

“Eu definitivamente pensei muito sobre isso [parar de cantar]. Pensei em como as palavras são minha única maneira de entender o mundo e me expressar mas, naquele momento, qualquer palavra que eu dizia ou escrevia era distorcida contra mim. As pessoas adoram um frenesi de ódio. São como piranhas”, comparou ela.

A cantora acrescentou: “As pessoas se divertiam tanto me odiando e nem precisavam de muitas razões para isso. Eu senti que a situação era totalmente incorrigível”.

Veja também:
Taylor Swift lança 'Lover', sétimo álbum de estúdio; ouça as músicas

Ela disse ter encontrado alívio nisso ao escrever, mesmo sabendo que guardaria para si os desabafos. “Eu escrevi muitos poemas agressivamente amargurados constantemente. Escrevi muitos pensamentos que eu sabia que nunca iria publicar, sobre como é se sentir na espiral da vergonha”, relembrou.

“E eu não consegui descobrir como aprender como isso, porque eu não sabia o que tinha feito errado. E isso foi muito difícil para mim porque não suporto quando as pessoas não aceitam críticas”, complementou.

Recentemente, Taylor Swift fez a felicidade dos fãs brasileiros. O motivo: ela anunciou uma apresentação no Brasil para 2020.

Veja também:
Taylor Swift confirma show único no Brasil para 2020

Ainda não há nenhum detalhe sobre a vinda de Taylor Swift ao Brasil. O site brasileiro ‘Tickets For Fun’ já adicionou uma página em seu website, informando que será responsável pelas vendas e que mais informações serão divulgadas em breve.

No site oficial de Taylor Swift, está publicada uma lista de cidades que receberão apresentações da tour ‘Lover’, incluindo o show em São Paulo

Veja também:
Katy Perry plagiou música 'Dark Horse' de rap cristão, decide justiça
Compartilhar