Wesley Safadão fala de críticas de Solange Almeida e preconceito com Nordeste

'Artista em evidência tem que ter música', crava Wesley Safadão (Divulgação)

‘Artista em evidência tem que ter música’, crava Wesley Safadão (Divulgação)

Wesley Safadão está no auge de seu sucesso. Desde o ano passado, o cantor se tornou o artista de cachê mais alto em turnê no Brasil e está em evidência com uma série de hits.

Mesmo o sucesso não foi capaz de abster Wesley Safadão das críticas. Em recente entrevista, a cantora Solange Almeida, do Aviões do Forró, disse que o sucesso de Safadão foi uma “surpresa” porque ele “não cantava p*rra nenhuma”.

Questionado sobre a declaração de Solange Almeida, em entrevista ao TV Fama, Wesley Safadão colocou panos quentes, mas não deixou de mandar o seu recado. “O Brasil abriu as nossas portas e agora nossa missão é mostrar que viemos para ficar. As pessoas até falam ´ah, O Safadão tem um rostinho bonito que ajuda’, mas não é bonito, não é gordo, não é feio. Artista em evidência tem que ter música e eu quero trabalhar para lançar músicas boas e de qualidade”, disse.

Também perguntado sobre preconceito com relação a pessoas que vieram do Norte ou Nordeste do Brasil, Wesley Safadão disse que prefere não pensar como um pré-julgamento. “Muitas pessoas falavam que a música nordestina não passa do Nordeste e que até chega em São Paulo, mas para os nordestinos de lá. Em primeiro lugar, não gosto de chegar em um lugar e ter pessoas me olhando torto porque sou nordestino. E continuei a fazer minha música. Já fizemos show em casa de São Paulo que dá a galera de São Paulo e bombou. Acho que a galera curtia a minha música, mas às vezes era eu que não ia cantar nos lugares que eles frequentavam. Não gosto da palavra preconceito. Como não sou preconceituoso, tento sempre ver por outro lado””, afirmou.

Veja também:
Wesley Safadão discute com fã que atirou bebida nele durante show

Por Igor Miranda

#comentários