Ximbinha bate boca em restaurante por causa de Joelma, diz jornalista - Revista Cifras

Ximbinha bate boca em restaurante por causa de Joelma, diz jornalista

Cliente disse que músico só subiu na vida graças à cantora (Divulgação)

Cliente disse que músico só subiu na vida graças à cantora (Divulgação)

A fase do guitarrista Ximbinha não é nada boa. Depois a ex-cantora do XCalypso, Leya Emanuelly, ter exposto áudios de uma briga interna da banda, o músico se envolveu em uma confusão em um restaurante.

Conforme reportado por Leo Dias, em sua coluna no jornal “O Dia”, Ximbinha discutiu com um cliente de um restaurante em Recife (PE). Enfurecido, o homem se aproximou do guitarrista para vociferar que ele havia errado com sua ex-mulher, Joelma, e que ele só havia subido na vida graças à cantora.

Surpreso, Ximbinha não gostou do que escutou do homem e acabou protagonizando uma discussão. O bate-boca não chegou às vias de fato, nem envolveu nenhuma outra situação mais extrema.

Veja também:  Pela primeira vez, Ximbinha posta foto com a namorada que foi pivô da separação com Joelma

Até o momento, Ximbinha não se manifestou sobre o caso.

“Culpa do pastor”

Enquanto é apontado como o grande culpado pela separação – visto que foi acusado de ter traído e agredido Joelma -, Ximbinha diz que o fim de seu casamento foi causado por um pastor. A revelação foi feita em recente entrevista ao programa de TV de Raul Gil, no SBT.

Segundo o músico, a situação do casal azedou após Joelma ter doado casas e uma fazenda com gados, equipamentos e até pista de pouso para helicóptero, a uma igreja evangélica. “Ela queria que eu me tornasse evangélico. Eu sou cristão, leio a bíblia, creio em Deus, mas não em placa de igreja (…) A Joelma deu uma fazenda muito grande e os nossos problemas começaram por aí, porque fui contra”, afirmou.

Veja também:  DJ Sininho morre aos 32 anos

Ao longo da entrevista, Ximbinha revelou ter ressentimento com relação a este período da vida do casal. “Percebi que ela estava com problemas, porque acreditava muito nas mensagens [espirituais]. Eu ficava muito triste porque aquele povo entrava na minha casa, com aquelas gritarias e promessas que nunca foram cumpridas”, disse.

Por Igor Miranda (@silvercm)

#comentários

Compartilhar