Foto: divulgação

YouTube Music chega ao Brasil para aumentar concorrência no streaming

Os brasileiros têm mais uma opção no mercado de serviços de streaming de música a partir desta terça-feira (25). E a novidade vem de um velho conhecido: às 13 horas, começa a funcionar no Brasil o YouTube Music, nova plataforma do Google para o setor, hoje liderado por nomes como Spotify e Apple Music.

Com assinatura de R$ 17 por mês, o serviço, que também terá versão gratuita, mas com anúncios, chega ao País três meses depois do lançamento nos Estados Unidos – hoje, o Google já oferece o serviço em 21 países.

É um mercado bastante disputado e com pouca diferenciação entre as empresas – a maioria delas compartilha o catálogo global das gravadoras, hoje em torno de 40 milhões de músicas. Para se destacar, o YouTube aposta em sua vasta biblioteca de vídeos, que também estarão disponíveis pelo aplicativo oficial.

Além disso, a empresa também espera converter em assinantes os usuários que hoje ouvem música pelo site de vídeos. Segundo o Google, o Brasil está entre os cinco países que mais consomem canções pelo YouTube.

Não à toa, o maior canal do País na plataforma é o do produtor KondZilla, responsável por clipes dos maiores hits recentes do funk, como ‘Bum Bum Tam Tam’, primeiro clipe brasileiro a ultrapassar 1 bilhão de visualizações.

Funcionamento

O YouTube Music estará disponível para celulares Android e iOS e terá um aplicativo dedicado; haverá também uma versão específica para PCs, via navegadores. Haverá ainda um plano família, no qual é possível dividir uma assinatura em até seis contas, por R$ 26 ao mês.
Para quem quiser utilizar o serviço de graça, haverá limitações: entre elas, a impossibilidade de baixar músicas para ouvir offline e a interrupção das listas de canções com anúncios.

Veja também:
Sulli: estrela de k-pop é encontrada morta aos 25 anos

Além disso, no celular, será impossível ouvir as músicas em segundo plano – será preciso deixar o aparelho com a tela ligada e dentro do app, por exemplo, para que o som continue rolando. Outro ponto importante é que o YouTube Music vai substituir o Google Play Música, atual streaming do Google no País.

Também chega ao Brasil, nesta terça-feira (25), o YouTube Premium, serviço que permite aos usuários remover anúncios do site, bem como baixar vídeos para assistir offline. Sua assinatura vai custar R$ 21 por mês e incluirá a assinatura do YouTube Music – já o plano família, dividido em até seis contas, sairá por R$ 36 ao mês.

Além das funcionalidades, os assinantes do YouTube Premium também terão acesso ao catálogo de produções originais, que inclui a série Cobra Kai, inspirada nos filmes da série Karate Kid.