Foto: Reprodução/Instagram

A carreira musical de Gretchen, que disse ser a Madonna brasileira

Hoje mais conhecida pelos memes que traduzem tantas reações nas redes sociais, Gretchen tem um passado com uma arte menos visual: a música. A carreira musical de Gretchen começou no grupo ‘As Melindrosas’ e bombou na fase solo, o que a levou a chegar a dizer que era “a Madonna brasileira”.

Ainda se apresentando como Maria Odete, a protagonista desta história dividia os vocais com as irmãs, Sula Miranda e Yara Miranda, além da amiga Paula Matar. O primeiro LP, chamado ‘Disco Baby’, foi lançado em 1978 – e foi hit na época.

Veja a apresentação de ‘As Melindrosas’ em 1979:

O sucesso foi tanto que, ainda no mesmo ano, o quarteto chegou a gravar um filme. Intitulado ‘É Proibido Beijar As Melindrosas/Vamos Cantar Disco Baby’, o longa foi dirigido pelo cineasta croata J. B. Tanko e contava com vários momentos musicais do grupo.

Veja Gretchen cantando ‘Outra Vez Mulher’ no filme:

Ao todo foram quatro LPs que, juntos, passaram de quatro milhões de cópias vendidas. Em meio ao sucesso inicial do grupo, Maria Odete deixou o quarteto para seguir carreira solo com o nome artístico Gretchen.

Nascia, então, a personalidade que tanto circula nas redes sociais e grupos do WhatsApp – com o rosto estampado em memes e/ou figurinhas.

Carreira solo de Gretchen cantora

Foto: Reprodução

Em 1979, Gretchen lançou o primeiro álbum solo. Chamado ‘My Name Is Gretchen’, o disco com canções em inglês (e trechos em francês) fez sucesso internacional como cantora de dance music. Foram 5 milhões de cópias vendidas no Brasil e outras 2 milhões comercializadas na Argentina.

É desse álbum a música ‘Freak Le Boom Boom’, que foi a responsável pelo sucesso estrondoso de Gretchen e, inclusive, lembra outro sucesso da cantora – também em parceria com o produtor argentino Santiago Malnati, mais conhecido como Mister Sam.

Ouça ‘Freak Le Boom Boom’:

Te lembrou alguma coisa? Pois é, ‘Freak Le Boom Boom’ é meio-irmã de ‘Conga, Conga, Conga’ – outro hit que caiu nas graças do público na voz de Gretchen. A música faz parte do segundo álbum, ‘You And Me’ (1981).

Veja a apresentação de ‘Conga, Conga, Conga’:

O terceiro álbum de Gretchen, intitulado ‘Lonely’ (1982), contém mais um dos hits da carreira da mãe de Thammy Miranda: ‘Melô do Piripipi’.

Ouça ‘Melô do Piripipi’:

Madonna brasileira

Em 2011, Gretchen fez um balanço da carreira, em entrevista ao jornal ‘O Globo’, e relembrou como surgiu o seu primeiro sucesso na carreira depois de ‘As Melindrosas’.

“Eu fui a Nova York e comprei um disco com a música ‘Freak Your Boom Boom’. Era um jazz muito malfeito, mas o título era muito bom”, narrou ela, que, com ajuda de Mister Sam, deu um toque especial à música: gritinhos, palmas, piripipis e… gemidos.

Veja também:
Sem papas na língua, Ludmilla abre o jogo sobre Anitta, casamento e maconha

Por isso e mais, Gretchen afirma: foi precursora na música pop. “Antes de mim, ou se cantava ou se dançava. Eu sou a Madonna brasileira”, declarou.

Vale destacar: a norte-americana só foi lançada ao mundo da música em 1982, quando Gretchen já fazia tudo o que Gretchen faz e fez…

Novas músicas

Em 40 anos de carreira, a ex-Melindrosa, que voltou aos holofotes após participar de ‘A Fazenda’, coleciona 13 álbuns de estúdio, 7 coletâneas 16 compactos, 13 álbuns internacionais, 2 extended plays, 3 CDs promocionais e 161 singles digitais.

Depois de alguns anos sem lançar algum trabalho novo, Gretchen tem começado a voltar às origens – como demonstrou ao participar do lyric video de ‘Swish Swish’, de Katy Perry, em 2017.

Em novembro de 2018, ela divulgou música e videoclipe de ‘Chacoalha’, que foi escrita por Ludmilla especialmente para a Rainha dos Memes.

“Pedi para ela fazer uma música para mim e nem imaginei que ela fosse me responder”, relembrou Gretchen, em entrevista ao programa ‘Sensacional’, da RedeTV. “Meia hora depois ela: ‘Olha, está pronta. Escuta aí e vê se você gosta’. Mandei para o meu produtor e está aí a música”, completou.

Assista ao videoclipe de ‘Chacoalha’:

Em maio, Gretchen mirou no mercado latino e lançou a parceria ‘Bien Buena’, com o cantor Eri Ramo.

Assista ao videoclipe de ‘Bien Buena’:

No segundo semestre de 2019, Gretchen voltou a atacar e fez participação na música ‘Amor Não Tem Idade’, do cantor Makay. O videoclipe foi lançado em dezembro.

Veja o videoclipe de ‘Amor Não Tem Idade’:

Ouça a playlist do álbum ‘My Name Is Gretchen’ (1979):

Ouça a playlist do álbum ‘You And Me’ (1981):

Ouça a playlist do álbum ‘Lonely’ (1982):

Ouça o álbum ‘Gretchen’ (1983):

Ouça a playlist do álbum ‘Seleção de Ouro’ (1998):

Ouça o álbum ‘Me Deixa Louca’ (2011):

Ouça o álbum ‘The Queen’ (2017):

Ouça a playlist do álbum ‘The Web Hits’ (2019):