Fotos: Reprodução/Instagram e Divulgação

Eminem vs Mariah Carey: entenda a treta que rendeu barracos musicais

Ele jura que os dois namoraram e que ela disse “eu te amo”. Ela garante que nunca se tocaram. Essa é a síntese da treta entre Eminem e Mariah Carey, que trocaram indiretas musicais ao longo dos últimos anos e que alguns consideram como um dos maiores barracos do maiores barracos do mundo pop.

Tudo começou na premiação Grammy Awards de 2001, quando a cantora, que estava na plateia, viu a apresentação do rapper. Ele performou “Stan”, com Elton John cantando a parte original de Dido.

Segundo algumas fontes, Mariah gostou do que viu e teve interesse numa parceria musical com Eminem. O feat. nunca saiu, mas rumores sobre um suposto relacionamento entre o rapper e a cantora pop logo começaram a aparecer na mídia.

Os assessores de imprensa de ambos negaram na época, mas isso não foi o suficiente para conter os rumores, que ganharam força quando o cantor passou a confirmar pessoalmente que teve algo mais íntimo com Mariah.

As citações de Eminem

Em 2002, as indiretas musicais começaram. Em maio, o rapper lançou ‘The Eminem Show’ com duas faixas citando Mariah de um jeito nada agradável.

Em ‘Superman’, Eminem diz: “Vagabunda, se você morresse, não compraria uma vida por você/ O que você tá tentando ser, minha nova esposa? Qual é a sua da Mariah?”.

Em outro trecho, ele acrescenta: “Não me entenda mal (Eu amo essas putas)/Não é segredo, todo mundo sabe. Sim nós transamos, e daí vagabunda?/ Talvez é até ai que seu parceiro chega / Seremos amigos/ Te ligarei de novo / Eu irei atrás de você em todos os bares que você atende”.

Veja o clipe legendado de ‘Superman’, de Eminem:

A segunda música do álbum a citar Mariah Carey é ‘When The Music Stops’.

Ele diz: “Nunca imaginei que chegaria longe no rap para simplesmente me virar e ir embora, e não dizer o que tenho a dizer. Que p*** você acha que eu sou? Uma piada? Você tá fumando crack? Antes de eu fazer isso, eu imploraria para Mariah me aceitar de volta”.

Ouça ‘When The Music Stops’, de Eminem:

Ainda em divulgação do novo trabalho, Eminem falou à Rolling Stone e, mais uma vez, reafirmou ter ficado com a cantora. Ele ainda disse que a admirava no nível musical, mas que não sentia o mesmo por ela como pessoa.

“Não quero dizer nada de desrespeitoso porque a respeito como cantora, mas em todo o nível pessoal, não estou realmente sentindo isso. Eu simplesmente não gosto dela como pessoa”, afirmou o rapper.

“Eu tenho que ser honesto; Aprendi uma lição: não acredite no hype. Eu tenho respeito por ela, mas ela realmente não tem tudo isso junto. Só vou dizer isso e que ela é uma mulher bonita”, completou.

O deboche de Mariah Carey

A resposta de Mariah Carey veio no mesmo ano e em tom de deboche. Em dezembro de 2002, ela lançou ‘Charmbracelet’ e, com apenas uma música, deu resposta à altura ao cantora.

Na faixa “Clown”, que significa “Palhaço”, Mariah já começa dando um tapa (musical) na cara do rapper e conta a não história de amor dos dois na versão dela.

Veja também:
Fã pede foto com Anitta e acaba indo parar na casa dela; entenda

“Acho que sua mãe nunca te disse que tudo que vai, volta […] Você nunca deveria ter insinuado que fomos amantes / Quando você sabe muito bem que nunca sequer nos tocamos”, canta ela.

“Quem vai se importar quando a novidade passar? Quando a estrela do show não for mais você? Ninguém se importa quando caem as lágrimas de um palhaço”, continua.

Para não deixar dúvidas de que a música era uma resposta ao rapper, Mariah finaliza a canção com uma referência à “Superman”: “E você sabe que eu sei / Você não é nenhum super-herói”.

Nos shows, a cantora ainda elevou o nível. Antes da música “Clown”, dançarinos faziam um número semelhante a um show de circo em uma clara referência ao “The Eminem Show”.

Veja a apresentação completa de ‘Clown’:

Eminem x Mariah: A treta continua

A treta poderia ter acabado aqui, mas não. Eminem seguiu usando o nome de Mariah em sua carreira. Na “The Anger Management Tour”, a turnê de 2005, o rapper mostrou gravações de voz que, segundo ele, a cantora teria deixado para ele na secretária eletrônica.

Durante a apresentação de ‘Ass Like That’, o show era interrompido pela voz de Mariah Carey em ‘We Belong Together’. Em seguida, era possível ouvir a cantora dizendo “eu te amo”.

De acordo com jornais da época, outro trecho do áudio contava com a mensagem completa de Mariah. “Ouvi dizer que você estava voltando com sua ex-esposa. Por que você não me vê? Por que você não me liga?”, ela teria perguntado.

Com a insistência do rapper em provar que os dois estiveram juntos, Mariah Carey seguia negando qualquer tipo de envolvimento com Eminem. “Eu tive um relacionamento sexual com ele? Não, eu não tive”, garantiu ela, em entrevista à revista “Maxim”, em setembro de 2005. “Eu o conhecia, eu saí com ele algumas vezes, mas nada sexual ocorreu … Talvez ele pensasse que, porque nada acontecesse, ele ficaria mal ou algo assim”, completou.

Eminem avança na treta

Em maio de 2009, Eminem lançou ‘Relapse’, seu sexto álbum de estúdio, e voltar a citar Mariah Carey.

Dessa vez, o rapper usou a faixa ‘Bagpipes From Baghdad’ para falar também do ex-namorado dela Luis Miguel, o cantor, e do então marido dela, Nick Cannon – com quem ela ficou casada de 2008 a 2016.

A letra diz: “Mariah, o que aconteceu com a gente? / Porque a gente se separou?/Eu só queria um pouco de ponche/Tá vendo, eu não tava pedindo muito/ Eu não consigo imaginar o que tá passando pela sua cabeça/ Depois daquele péssimo fim de namoro com o latino bonitão Luis Miguel/ É melhor o Nick Cannon se afastar/Eu não tô brincando, eu quero ela de volta, seu moleque”.

Em outro trecho, ele volta a citar Cannon. “Nick, você já se divertiu demais / Eu cheguei pra te chutar no saco”.

Ouça ‘Bagpipes From Baghdad’:

Mariah Carey responde outra vez

Foto: Reprodução/Youtube

Mais uma vez, Mariah Carey apelou para o deboche para responder Marshall Mathers. Em setembro, ela lançou ‘Memoirs of an Imperfect Angel’, seu 12º álbum de estúdio, e disse tudo o que tinha a dizer em ‘Obsessed’.

“Todos os blogs dizem que nos encontramos no bar/ Quando eu nem sei quem você é”, diz um trecho.

“Oh, oh, porque você está tão obcecado por mim? / Garoto, eu quero saber/ Mentindo que está transando comigo/ Quando todo mundo sabe/ Dá pra ver que você está chateado comigo”, canta ela em outro.

Sem citar o nome dele, Mariah Carey ainda insinua que Eminem gosta de citá-la nominalmente para tentar aparecer: “Eu sou uma empresa e você é uma lojinha de esquina. […] Porque está tão obcecado por mim?/Garoto, você está ficando louco/ Está confundindo você, você está confuso/ Você sabe.”

O videoclipe foi a cereja do bolo de chacota da cantora. Nas imagens, ela é perseguida por um stalker que é nada mais, nada menos que a própria Mariah vestida como um homem que lembra muuuito o rapper.

Veja o clipe de ‘Obsessed’, de Mariah Carey:

O último golpe (até agora)

Possivelmente irritado com as insinuações de Mariah em ‘Obsessed’, Eminem rebateu em ‘The Warning’ (‘O Aviso’), que ele fez questão de lançar ainda em 2009.

Na música, ele xinga Mariah e o marido dela, além de dar supostos detalhes explícitos da alegada vida íntima que ele diz que os dois tiveram.

“O único motivo de eu ter te zoado em primeiro lugar é porque você negou que saia comigo/ E agora eu tô puto”, começa o rapper, que depois acrescenta: “Estou obcecado agora/ Minha nossa, era pra ser eu no clipe com aquela barbicha de bode?/ Uau Mariah, eu não esperava que você fosse tão masculina/
Vadia cale a boca antes que eu divulgue todas aquelas ligações”.

Veja também:
Em suposto verso, Eminem defende Chris Brown de agressão contra Rihanna

Depois, o rapper ameaça revelar supostos detalhes íntimos dos encontros, que incluiriam fotos dela. “Quantas vezes você foi na minha casa ? Ainda estou tentando contar/ Melhor calar a sua boca mentirosa se você não quiser que o Nick descubra […] /Tanta sujeira sua para te matar/Isso é o que eu faço/
Mariah, já passou por sua cabeça que ainda tenho fotos?”.

E completa: “Eu aturei esse seu traseiro gordo por 6 meses/ E só abriu as pernas pra me deixar meter uma vez”.

A música ainda conta com alguns áudios que supostamente seriam da cantora para ele, mas muitos dizem que, na verdade, ele teria tirado de entrevistas que ela deu para emissoras de rádio e TV.

Mariah não comentou a música nem esclareceu se os áudios realmente foram extraídos de entrevistas, mas Nick Cannon fez diversas críticas ao rapper e defendeu a cantora.

Ouça ‘The Warning’:

Fim da treta?

Depois do lançamento de ‘The Warning’, Mariah Carey parou de comentar o assunto Eminem e, até o momento, não lançou mais nenhuma indireta musical. O rapper, por sua vez, também parou de comentar o caso.

Se os dois ficaram juntos ou não, apenas eles sabem realmente – e, pelo jeito, os fãs nunca vão chegar a uma conclusão.

Compartilhar