Foto: Reprodução/TV Globo

Caneta Azul: a história da música que conquistou o Brasil

A canção Caneta Azul, de Manoel Gomes, ganhou o coração dos brasileiros no fim do mês de outubro de 2019. O motivo? A composição é inusitada por tratar, com ares de muito sofrimento, uma situação pra lá de corriqueira na vida do ser humano: um estudante perdeu sua caneta azul.

Manoel Gomes, que trabalha como vigilante no Maranhão, fez um vídeo caseiro do próprio autor apresentando a música. A filmagem foi publicada por um amigo em uma conta do YouTube e acabou viralizando nas redes sociais – com grande ajuda do humorista Tirullipa, o primeiro famoso a replicar o vídeo em seu perfil do Instagram.

Com cerca de 15 dias após a postagem, o hit já havia batido a marca de 5 milhões de visualizações. A vida de Manoel se transformou completamente e ele logo correu em um cartório para registrar os direitos de sua composição. Como não podia deixar de ser, a papelada foi toda assinada com – é claro! – uma caneta azul.

Foto: reprodução / Instagram

Caneta Azul viraliza

Após bombar nas redes sociais, a música passou a percorrer caminhos jamais imaginados pelo compositor amador. Além de inúmeros memes criados por anônimos, famosos se renderam ao hit. O DJ Alok chegou a apresentar uma versão remixada da canção durante um importante festival de música eletrônica na Califórnia, nos Estados Unidos.

Veja também:
'Caneta Azul': Alok faz remix e Marília Mendonça canta com Maiara e Maraisa

Outros artistas usaram as redes sociais para cantarem trechos da canção, como foi o caso de Simone (irmã de Simaria), Marília Mendonça, Maiara e Maraisa, entre inúmeros outros. Wesley Safadão e Pablo do Arrocha chegaram a dar uma palhinha durante seus shows.

O sertanejo Thiago Brava foi além! Ele convidou o próprio Manoel dos Santos para viajar até a cidade de Palmas, capital do Tocantins. Lá, levou o vigilante para cantar sua composição em cima do palco e quase levou o público, de 15 mil pessoas, à loucura.

Como surgiu Caneta Azul

O drama de ter perdido uma caneta azul que levou à ideia da música é real, contou Manoel durante entrevista a uma TV local.

“Eu ia para o colégio e perdi a caneta azul. Lá no colégio eu perdia uma, perdia outra, aí ninguém me deu a caneta que tava meu registro nela. Eu não achei e, no outro dia, fiz a música”, disse, à TV Mirante.

Ainda durante o bate-papo, Manoel Gomes revelou que compõe desde os 15 e tem mais de 20 mil letras escritas. “Em breve, estarão todas registradas essas músicas”, afirmou.

Veja também:
Caneta Azul: música viraliza, vira hit e conquista famosos

Confira a letra da música:

“Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra
Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra

Todo dia eu viajo pra o colégio
Com uma caneta azul e uma caneta amarela
Eu perdi minha caneta e eu peço, por favor
Quem encontrou, me entrega ela

Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra

A professora, ela veio brigar comigo
Porque eu perdi a última caneta que eu tinha
Não brigue, professora, porque eu vou comprar outra canetinha

Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra
Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra”