Fotos: reprodução / YouTube e Instagram

Latino anuncia sorteio de cachorro na internet, é criticado e volta atrás

O cantor Latino tem sido alvo de muitas críticas desde que anunciou um sorteio de um cachorro da raça spitz alemão nas redes sociais. Os comentários negativos fizeram com que o artista se conscientizasse, cancelando a ação e anunciando que destinaria parte das doações de sua última live a ONGs que trabalham em prol dos animais.

A polêmica começou quando Latino anunciou, no último dia 20 de abril, as regras para o sorteio. “Para participar, basta seguir as regras: Estar seguindo o perfil @latino; Depois curtir essa postagem oficial; Depois marcar 3 amigos aqui nos comentários do vídeo OFICIAL (você pode marcar quantas vezes quiser, quanto mais marcar, mais chance de ganhar); Depois postar um vídeo no seu feed do Instagram com a #DançandocomseuLATINO (música ‘Lili’)”, diz o texto, que acabou removido.

Veja também:
Veja quais as lives com shows de música marcadas para os próximos dias

A atitude passou a ser bastante criticada nas redes sociais. Muitos apontaram que o cantor estava sorteando um ser vivo e detonaram não só a iniciativa, como deixaram comentários a quem aceitou participar.

Luisa Mell, apresentadora e ativista em defesa dos animais, reforçou as críticas a Latino. “Quando eu fui olhar, ele já tinha abortado essa ideia. Infelizmente ele não entendeu a mensagem, ele acha que são haters. E não são haters, são pessoas conscientes e que estão tentando ensinar que animais não são coisas”, afirmou ela.

A ativista também relembrou que o cantor já se envolveu em outras polêmicas com animais – como a ocasião em que ele ofereceu cigarro a um macaco de estimação. “Você fica sempre se tentando utilizar dos animais pra ter sucesso, mas você é talentoso, faz shows excelentes… deixe eles em paz. Eles não são coisas para serem sorteadas”, disse.

Latino demora, mas cede

Inicialmente, Latino rebateu as críticas e disse que “por trás de um celular, tem um monte de valentões”. “Nossa intenção foi unir o útil ao agradável, trazer uma família para um filhote que provavelmente estaria precisando. Essa raça não é encontrada para adoção”, afirmou, pelos stories do Instagram.

Porém, os comentários negativos se intensificaram e ele acabou cedendo, com o cancelamento do sorteio. Por meio de um vídeo, o cantor disse que destinaria parte das doações obtidas com uma live no YouTube a ser realizada na próxima sexta-feira (8), às 19h, a ONGs que se dedicam a cuidar de animais.

“Recebi muitos pedidos para eu reverter parte das doações da minha live de sexta para ONGs de animais. Achei uma boa ideia, ainda mais se isso reforçar uma retratação minha, já que todos temos o direito de errar e o dever de corrigir. […] Parte das doações para os freelas e parte para ONGs de animais! Obrigado pela sugestão que vocês me enviaram. Juntos somos mais fortes”, afirmou o cantor.

Veja também:
Veja quais as lives com shows de música marcadas para os próximos dias

Igor Miranda é jornalista que escreve sobre música desde 2007 e com experiência na área cultural/musical.

Compartilhar