Foto: Reprodução/Twitter

Nando Reis tem palco invadido por homem em show; cantor esclarece

Nando Reis teve o show interrompido por um homem que invadiu o palco durante uma apresentação em Mossoró, no Rio Grande do Norte, na última sexta-feira (30). O caso gerou versões desencontradas e foi esclarecido pelo próprio cantor após a repercussão classificada como equivocada sobre o contexto da situação.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, Nando Reis aparece se apresentando enquanto seguranças retiram o homem, que tenta chegar até o cantor.

Um usuário do Twitter relacionou o episódio a uma invasão de cunho político. “Depois de interromperem o show do Gustavo Mendes, chegou a hora dos eleitores do Bolsonaro tentarem agredir outro artista. Um homem invadiu o palco do show de Nando Reis para tentar agredi-lo, durante um show em Mossoró (RN), depois que este criticou o presidente Jair Bolsonaro”, escreveu o internauta, que apagou o post.

Assista ao momento da invasão:

Nando Reis, de fato, abordou política na apresentação. Ele falou sobre a preocupação com as queimadas na Amazônia e brincou com o currículo de Eduardo Bolsonaro, deputado pelo PSL e filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, que citou a habilidade de fritar hambúrguer para o cargo de embaixador.

Veja também:
Luiz Caldas diz que hoje não faria a música 'Fricote', da 'Nega do cabelo duro'

No entanto, o cantor negou que as declarações tenham sido a motivação para o homem interromper a apresentação. “Essa cena que foi filmada gerou interpretações distorcidas, como se tivesse uma conotação política pela maneira como o show estava sendo conduzido”, explicou Nando Reis, em um vídeo publicado nas redes sociais, na noite de domingo (1º).

“Na verdade, recebi do próprio ‘invasor’ um pedido de desculpas, então eu queria, nesse momento onde as coisas ficam tão sensíveis e tendem a ser propagadas quase como calúnias, dizer que estou bem e que não houve nenhuma tentativa de agressão. Foi apenas um fã que subiu ao palco e foi retirado”, completou o cantor.

Assista ao posicionamento de Nando Reis:

Compartilhar