Fotos: Reprodução/Instagram/YouTube

Joelma revela que comprou uma arma para se defender das agressões de Ximbinha

Em entrevista divulgada na última quarta-feira (21) pela apresentadora Sabrina Sato no YouTube, a cantora Joelma falou sobre violência doméstica, realidade vivida por milhões de mulheres no Brasil e no mundo – e pela qual ela mesma passou.

Joelma participou do quadro ‘Cada Um No Seu Banheiro’, do canal oficial de Sabrina.

A ex-vocalista da banda Calypso revelou detalhes desses momentos tristes de sua história e alertou mulheres sobre como sair disso. Ela também chocou com algumas declarações, como a de que teria comprado uma arma para se defender, pois tinha muito medo.

Veja também:
Joelma aparece com maquiagem bizarra no 'Encontro' e vira chacota na web

“Quando tomei a decisão [da separação], disse a mim: ‘Agora é para sempre e não tem volta. Vou lutar até o fim. Se você não fizer isso você vai sofrer o resto da sua vida. Não se pode temer o homem, ele não pode nada perante Deus”, iniciou Joelma.

“Logo no início do casamento, eu lembro que comprei uma arma de choque. Ele quase me jogou lá de cima [em referência a um episódio que ela já relatou no passado, quando ele teria tentado jogá-la de uma sacada]. Ele tinha problemas sérios e eu andava com ela na minha bolsa. Quando me separei dele, ele veio tentar me agredir novamente. Meu filho se meteu e não deixou”, disse.

Durante o papo, a apresentadora relembra que Joelma fez uma participação no ‘Programa da Sabrina’, na Record TV, em 2015. Naquela ocasião, ela contou sobre a decisão de colocar fim à Banda Calypso, se separar de Ximbinha e apostar em uma carreira solo. 

Segundo um estudo da Rede de Observatório da Segurança, os casos de violência doméstica aumentaram muito no Brasil durante a pandemia de Covid-19.

“Durante a pandemia, o isolamento social agravou a situação de violência contra as mulheres, que passaram a ter mais tempo de convívio com o agressor. Os riscos aumentaram e o acesso das vítimas a redes de proteção e denúncia ficou mais difícil”, diz um trecho do estudo.

Veja também:
Joelma diz que ficou 'deformada' após contrair Covid-19 e revela sequelas

Joelma fala sobre agressões que sofreu de Ximbinha

A cantora citou seu mais novo lançamento, ‘Coração Vencedor‘, que “conta a história de uma mulher que está presa, acorrentada, massacrada, mas luta, arrebenta as correntes e se torna vencedora, poderosa e pode se transformar no que quiser”, diz Joelma.

Muita gente não sabia, mas naquele momento, em 2015, Joelma estava dando um basta a uma relação abusiva e violenta que durou 18 anos. Cledivan Almeida Farias, o Ximbinha, era alcoólatra e a agredia com frequência.

Joelma aguentou calada por anos e anos. No início da carreira, ele chegou a mantê-la presa em um quarto por três dias após uma agressão, pois temia que as pessoas vissem o rosto dela marcado por hematomas. 

Ela decidiu se separar ao descobrir que estava sendo traída há três anos. E o pior! Durante esse tempo, Ximbinha desviava dinheiro da empresa deles.

Veja também:
Joelma diz que teve premonição antes de queda em show e que se curou com oração

Ao revelar ao então marido que queria se separar, ele reagiu violentamente e foi para cima dela. Foi quando Yago (filho do casal,  com 20 anos na época), o impediu de agredir sua mãe, mais uma vez, e o jogou no chão.

Hoje, aos 46 anos, Joelma vive uma ótima fase. Se sente “feliz e bem livre”, conforme ela mesma definiu.

Assista à entrevista completa de Joelma para Sabrina Sato:

Assista ao novo videoclipe de Joelma:

Cantora Lívvia Bicalho e namorado são encontrados mortos; suspeita é feminicídio

Compartilhar