Foto: Reprodução adolescente mata pais

Outro adolescente mata os pais com requintes de crueldade

Um adolescente de 16 anos foi apreendido na noite de quinta-feira (23), em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro, acusado de matar os pais adotivos a marteladas. Ele também incendiou o quarto onde estavam os corpos.

  • 🔈Qual é o melhor modelo de Alexa: Echo Dot, Pop ou Show? Conheça as diferenças e veja qual se adequa melhor ao seu estilo!!! Basta clicar aqui.

Segundo as autoridades, o próprio jovem ligou para a Polícia Militar e para os Bombeiros algum tempo após cometer o crime.

De acordo com o depoimento do adolescente, o desentendimento começou porque seus pais não permitiram que ele faltasse à escola para descansar antes de uma aula de jiu-jítsu.

Após a discussão, ele agrediu os pais com um martelo, saiu para lanchar com um amigo e, ao retornar, ateou fogo ao quarto do casal, localizado no segundo andar da residência.

O adolescente foi adotado pela família em 2014, quando tinha 6 anos de idade. Ele é o irmão mais novo de um grupo de quatro irmãos, todos adotados por diferentes famílias.

Segundo o irmão mais velho, os pais adotivos sempre foram amorosos, mas o garoto apresentava comportamentos agressivos. O casal tinha apenas o adolescente como filho.

fogo casa - adolescente mata pais

Foto: Rafael Nascimento/G1

O Corpo de Bombeiros foi acionado às 2h20 da manhã desta sexta-feira (24) para apagar o incêndio, que destruiu todo o segundo andar da casa.

Veja também:
Enterro de 'Tio Paulo' acontece neste sábado, 4 dias após incidente no banco

Os corpos das vítimas, identificadas como Luis Cláudio Pinheiro e Mariana Valente, ambos de 58 anos, foram encontrados carbonizados.

A Polícia Civil realizou perícia no local e encaminhou os corpos ao Instituto Médico Legal (IML) do Centro.

Uma mulher que passou pelo local relatou nas redes sociais ter visto o adolescente ao telefone.

“Passei na hora e ofereci ajuda, ele estava chamando os Bombeiros, sem o menor desespero, só disse que os pais estavam mortos. Lamentável“, disse ela em entrevista.

O adolescente foi conduzido por policiais militares à Delegacia de Homicídios de Capital (DHC) e apreendido em flagrante.

A Polícia Civil está ouvindo testemunhas e realizando diligências para esclarecer os fatos e a motivação dos assassinatos.

Coincidência macabra?

Na última segunda-feira (20), um outro adolescente de 16 anos foi apreendido em São Paulo, após ter matado os pais adotivos e a irmã dentro de casa. O caso chocante que repercutiu em todo o Brasil.

Depois de cometer os assassinatos com a arma do pai, que era Guarda Civil Municipal, o adolescente foi até uma padaria, foi para a academia, vivendo a vida normalmente.

Ele só ligou para a polícia, pois começou a se incomodar com as moscas que vieram devido ao odor dos corpos.

O suspeito teria confessado o crime após uma discussão familiar, onde foi chamado de “vagabundo” e teve seu celular confiscado pelos pais.

Veja também:
Jon Bon Jovi apareceu em 'Malhação' e atuou com Luana Piovani em 1997

A semelhança entre os dois casos – que aconteceram um seguido do outro – é chocante e preocupante, segundo as autoridades.

“Meu Deus, parece que um se inspirou no crime do outro!“, disse um internauta. “Que absurdo, as histórias são muito similares… Duas tragédias terríveis”, comentou outra pessoa.

  • 🔈Qual é o melhor modelo de Alexa: Echo Dot, Pop ou Show? Conheça as diferenças e veja qual se adequa melhor ao seu estilo!!! Basta clicar aqui.

Adolescente diz que gostava da irmã e só a matou para conseguir matar a mãe

Fonte: G1