Fotos: Reprodução/Instagram

Mãe de Ludmilla acusa o pai da cantora de chantagem e ameaças: ‘só quer dinheiro’

Uma polêmica na família da funkeira Ludmilla foi divulgada nesta terça-feira (2) na web e tem dado o que falar. O fato é que Silvana Oliveira, mãe da cantora, resolveu colocar a boca no trombone para denunciar o pai dela, Luiz Antônio da Silva, por chantagear e ameaçar a própria filha caso ela não o banque financeiramente.

Ludmilla preferiu não se pronunciar sobre o assunto, mas Silvana concedeu uma entrevista para o colunista Leo Dias, do jornal ‘Metrópoles’, na qual contou todo o histórico da relação de Luiz com a filha, que nunca foi de proximidade e, hoje, seria baseado em interesses financeiros.

Veja também:
Prestes a estrear na Globo, Ludmilla posa na cadeira do 'The Voice+'

“Ele não quer o amor da filha, só quer o que ela pode proporcionar”, afirmou Silvana, após contar que Luiz Antônio foi preso quando Ludmilla tinha apenas 1 mês e 13 dias.

Por ser viciado em jogo, ele viveu muitos anos de sua vida indo e vindo da prisão. Luiz chegou a ser preso oito vezes pelo crime de furto e roubo. Esse contexto sempre afastou muito Ludmilla de seu pai, fazendo com que ela encontrasse uma figura paterna no irmão de sua mãe, seu tio China.

Em meio a esse distanciamento, a mãe de Lud revelou que ela sempre sentiu muita falta do pai. “Tinha épocas em que ela procurava o pai sem eu saber e ele se escondia dela”, afirmou.

Silvana também contou, na entrevista, que Ludmilla já ajudou muito seu pai. Em uma das vezes que ele foi solto, a cantora teria dado R$ 9 mil na mão dele, que torrou tudo rapidamente e voltou a pedir ajuda para a filha. Depois, a artista passou a dar R$ 1,8 mil por mês, mas nunca era suficiente.

Ludmilla chegou a montar uma casa para seu Luiz Antônio morar, mas ele vendeu tudo, gastou o dinheiro e voltou a passar necessidade. Recentemente, após procurar pela filha famosa e não receber a quantia que desejava, ele ameaçou expor a história de vida deles na mídia.

A mãe de Ludmilla assumiu o controle da situação e fez um Boletim de Ocorrência após as ameaças sofridas por elas.

“Eu tomei as rédeas de tudo e passei a depositar. Mas ele fica espalhando que a Ludmilla não o ajuda, que está passando fome, e isso deixa minha filha muito chateada. Decidimos que não daríamos mais nada”, diz ela.

“Ele é jovem ainda, é forte, pode arranjar um emprego para cuidar da vida dele. Na nossa casa, todo mundo trabalha, até a avó dela”, completou a mãe da cantora.

Veja também:
Elba Ramalho pede desculpas por falas polêmicas sobre a Covid-19 e religião

“Há cinco meses, vivo um inferno. Agora, ele arrumou uma advogada e está ameaçando procurar a imprensa, dizendo que está passando fome e com depressão, que só quer um abraço da filha. Mas como ele tem dinheiro para pagar advogada se não tem dinheiro nem para comer?”, questionou.

Silvana ainda disse mais: “Nas mensagens que me manda, o Luiz até pergunta pela Ludmilla. Mas, no fim das contas, pede dinheiro. Ele não quer o amor da filha, só quer o que ela pode proporcionar”.

O outro lado da história

Confira a nota enviada para a imprensa pelos advogados do pai de Ludmilla:

“O Luiz está passando por uma crise terrível de depressão. Estou tentando fazer com que a mãe da Ludmila deixe que a filha o encontre. O Luiz sempre foi um bom pai, só esteve ausente no tempo em que esteve preso e, talvez por isso, a família se envergonhe dele. Ele tem fotos que comprovam que sempre esteve presente na vida da filha.

É lamentável toda esta situação. Ele se encontra com depressão, muito triste e desorientado e está passando necessidades básicas, como alimento diário, pois para um ex-presidiário, mesmo já tendo pago toda a dívida com a Justiça, é complicado arranjar trabalho. O Luiz não pede dinheiro. Ele pede atenção e um encontro com a filha, que nega a possibilidade”.

Enquanto Pocah dorme no ‘BBB 21’, família protagoniza barracos aqui fora

Compartilhar