Fotos: Divulgação Roberto Carlos - Djavan - Ana Carolina - John Lennon

Músicas de Roberto Carlos e vários outros desaparecem do Spotify e fãs tentam entender

Em um movimento que pegou todos de surpresa, clássicos da música de ícones como Roberto Carlos, Djavan, Ana Carolina e John Lennon sumiram do Spotify na última segunda-feira (29).

  • Conheça e descubra tudo que você pode fazer com seu dispositivo Alexa! E o melhor: experimente por 30 dias e, se não gostar, receba seu dinheiro de volta. Clique aqui para conferir!

A remoção inesperada desses hits deixou os fãs perplexos e provocou um grande burburinho entre os amantes da música, tanto nacional quanto internacional.

Essa ação repentina gerou uma onda de questionamentos sobre as razões que levaram à exclusão dessas músicas e qual será o impacto dessa ausência no cenário musical.

A retirada não se limitou apenas às músicas dos artistas em questão, mas também afetou álbuns nos quais suas composições foram interpretadas por outros cantores, como é o caso do disco ‘As canções que você fez pra mim‘, em que Maria Bethânia dá voz às obras de Roberto Carlos, agora também fora do alcance dos ouvintes.

Além de Roberto Carlos

A discografia de Roberto Carlos sofreu um duro golpe, com a remoção de faixas que datam de 1966 a 2015.

Curiosamente, o álbum ‘Roberto Carlos‘, de 1971 se mantém intacto, mas canções emblemáticas como ‘Emoções’, ‘Fera ferida‘, ‘Cavalgada’ e ‘As curvas da estrada de Santos‘ foram retiradas.

Veja também:
Leonardo corta relações com o filho João Guilherme e motivo surpreende

Ana Carolina viu seis de seus álbuns serem afetados, incluindo hits como ‘Encostar na tua‘ e ‘Cabide‘.

Por outro lado, seu lançamento mais recente, ‘Fogueira em alto mar‘, de 2019, continua disponível para os usuários da plataforma.

A situação de Djavan é particularmente notável. O músico, que celebrou seu 75º aniversário recentemente, teve uma grande parte de sua obra removida, com álbuns como ‘Luz‘, de 1982, famoso por faixas como ‘Sina‘ e ‘Açaí‘, agora inacessíveis.

A equipe de Djavan expressou desconhecimento sobre os motivos da retirada, afirmando estar em busca de soluções junto ao Spotify.

O fenômeno também afetou a discografia de John Lennon na plataforma, com a retirada de 40 faixas do álbum relançado ‘Imagine‘, um dos mais emblemáticos do ex-Beatle, deixando apenas 21 das 61 músicas originais disponíveis.

Retrospectiva Spotify 2022

Foto: Canva

Até o presente momento, o Spotify não se pronunciou sobre a retirada dessas músicas. Os fãs, por sua vez, estão ansiosos por uma explicação oficial da plataforma sobre esse evento que alterou a disponibilidade de obras de alguns dos maiores nomes da música.

Este mistério deixa uma grande interrogação no ar: por que as músicas de Roberto Carlos, Djavan, John Lennon e Ana Carolina foram retiradas do Spotify?

Veja também:
10 sucessos infantis do passado completamente inapropriados para crianças

Enquanto uma resposta não chega, os admiradores desses artistas ficam na expectativa de poderem desfrutar novamente de seus hits prediletos na plataforma.

  • Conheça e descubra tudo que você pode fazer com seu dispositivo Alexa! E o melhor: experimente por 30 dias e, se não gostar, receba seu dinheiro de volta. Clique aqui para conferir!

Namorando aos 81, Roberto Carlos revela segredos para cuidar da aparência