Fotos: Reprodução/Instagram

Evangélica, Simone desabafa sobre ‘hipocrisia’ de certos irmãos de igreja

A cantora Simone Mendes, irmã e dupla de Simaria, gerou burburinho nas redes sociais, recentemente, ao rebater críticas de internautas sobre o “comportamento dela“, que é evangélica e canta música do mundo” – termo muito usado por religiosos para definir qualquer tipo de música que não seja gospel.

  • Moda para celebrar todos os estilos, com ofertas imperdíveis e opções de frete grátis? Confira esse GUIA DE PRESENTES de Natal com preços inacreditáveis. Clique aqui.

Já em algumas várias situações, Simone vem chamando chamou os colegas crentes dehipócritas por apontarem o dedo para falar sobre o que acreditam que está errado na vida dos outros, sendo que vivem pecando em vários pontos de suas próprias vidas todos os dias.

Veja também:
Cantor e blogueiro gospel dava golpes em lojas de luxo e integrava quadrilha

Simone é criticada por “cantar música do mundo”

A história polêmica começou quando Simone viu uma publicação no Instagram que mostrava ela e o marido, Kaká Diniz, participando de um evento evangélico em São Paulo.

Nos comentários, internautas crentes criticavam a sertaneja por não “se firmar com Jesus” de uma vez por todas e começar a cantar apenas música gospel.

Simone Mendes já disse em diferentes ocasiões que acredita muito em Deus e é cristã desde criança. Contudo, três anos atrás ela deixou o sertanejo um pouco de para fazer uma parceria com o cantor gospel Davi Sacer, na gravação de uma nova versão da música ‘Deus de Promessas‘.

O dueto fez bastante sucesso no meio evangélico e, a partir daí, muitas pessoas ficaram sabendo da fé de Simone que, na realidade, ela nunca escondeu para quem a acompanha diariamente nas redes sociais. Através dos Stories do Instagram, Simone sempre fala de Deus para os seguidores.

Veja também:
Simone, dupla de Simaria, canta gospel em live e acalma fã que pensava em suicídio

A irmã de Simaria ficou extremamente irritada com as críticas que recebeu e resolveu se pronunciar. Isso aconteceu logo após a morte de Marília Mendonça, que era uma amiga dela e a deixou extremamente triste.

Nos Stories do Instagram, Simone disse: Depois que a pessoa morre, tem compaixão. Por que? Só quando morre vem o amor? Por que em vida não oram, não dão a mão? Eles fazem diferente, gostam do dedo apontado”. 

Ela ficou bastante chateada ao entrar no perfil das pessoas que estavam criticando e perceber que todas elas haviam postado homenagens para Marília Mendonça.

“Quando você está vivo, distinção; quando morre, compaixão. Essas pessoas que se dizem religiosas podem matar um irmão com suas línguas venenosas e elas ficarão surpresas no dia que chegarem ao céu e verem essas pessoas que elas julgam lá também”, desabafou a cantora.

Ainda falando sobre o assunto nas redes sociais, Simone chegou a dizer que no tempo certo pretende “largar as coisas do mundo para se firmar com Deus” e cantar apenas gospel. Entretanto, ela voltou a afirmar que já é cristã há muitos anos. “Sou firme com Deus desde os meus seis anos de idade”, disse ela.

Simone Mendes contou também que tem outro louvor gravado e que ainda não tem data para lançar. Momentos depois, uma seguidora evangélica enviou uma pergunta dizendo que Simone “serve a dois senhores”, o que ela estava pensando em fazer diante disso.

Quem te falou que eu sirvo a dois senhores? Pelo fato de eu cantar? Eu sou uma mulher honesta, mãe fiel ao meu esposo, amo meus irmãos, ajudo ao próximo… Tenho os meus defeitos como todo mundo tem, mas ninguém pode apontar o dedo e dizer que eu não amo Jesus porque canto”, respondeu Simone.

Veja também:
Homem é preso após ameaçar e planejar matar Simone e Simaria em show

Assunto volta à tona em entrevista

Em participação no ‘Transformadoscast’, na noite da última terça-feira (30), Simone foi questionada sobre o assunto e voltou a falar sobre a hipocrisia de muitos cristãos.

“Fiz questão de entrar na página dessas pessoas. E eu vi que eles tinham algumas falhas que não poderiam me apontar. Para me apontar, teria que ser Jesus, que é perfeito”, disse a sertaneja.

Foto: Reprodução/Instagram

Kaká Diniz, marido de Simone, também participou do podcast. Ele também é evangélico e disse, durante a entrevista, que os ensinamentos de Jesus não são compatíveis com muitas atitudes dos que se denominam cristãos hoje.

Veja também:
Simone Mendes se afasta das redes sociais para ‘ajudar vidas e se conectar com Deus’

“Existe uma incoerência muito grande. Missionários falando em compaixão, amor ao próximo, mas vão para uma rede social pregar totalmente o oposto. Eles falam a verdade que convém a eles”, declarou Kaká.

Veja uma foto de Simone com a família, o marido Kaká Diniz e os filhos Henry e Zaya:

Foto: Reprodução/Instagram

Assista a participação completa deles no ‘Transformadoscast’:

Confira a gravação com Davi Sacer da música ‘Deus de Promessas’:

  • Moda para celebrar todos os estilos, com ofertas imperdíveis e opções de frete grátis? Confira esse GUIA DE PRESENTES de Natal com preços inacreditáveis. Clique aqui.

Simone e Simaria não cantam trecho que cita ‘Iemanjá’ e são criticadas