Fotos: Reprodução/Instagram

Cadelinha de Vanessa da Mata morre após parada cardíaca: ‘dor indescritível’

Vanessa da Mata compartilhou com seus amigos nas redes sociais sobre a morte repentina de Cora Coralina, sua cachorrinha de apenas 2 anos de idade. O animal, que é de uma raça conhecida como lulu-da-pomerânia, sofreu uma parada cardíaca nesta terça-feira (8) não resistiu e acabou morrendo.

É indescritível a dor de perder um ser tão puro que só trazia alegrias a nós todos. Meus filhos, minha família toda sofrendo“, disse a cantora utilizando a função Stories de sua conta no Instagram.

Veja também:
Marília Mendonça canta música sobre prostituição e faz Ana Maria Braga chorar

Ela também postou vídeos chorando e disse mais: “Muitos sabem o que é isso, outros não fazem ideia. Só sei que a coisa é muito pior do que só imaginar. É um buraco, que enterra e cabe dentro o luto. É horrível“, declarou.

A equipe de comunicação de Vanessa postou uma foto e dois vídeos da cantora com a cachorrinha. Na legenda, informaram sobre o falecimento de Cora, que fazia parte da família.

“Com muita tristeza informamos que a pequena Cora Coralina virou uma estrelinha no céu. Cora tinha um probleminha cardíaco e nesta noite ela sofreu uma parada cardíaca e seu coraçãozinho não resistiu. Em pouco mais de dois anos de vida, a nossa ‘Tufo’ nos trouxe momentos de muito amor e será sempre lembrada pelo seu jeito carinhoso e sua alegria”.

Seguidores de Vanessa comentaram desejando força para ela“Uma dor que realmente não desejo a ninguém, sei o que está passando, que seu coração possa ter paz“, disse uma fã.

Sinto muito pela sua perda! Os animais são nossos anjos aqui na Terra! Nos ensinam tanto!”, afirmou outra. “Meus sentimentos Vanessa. Deus conforte o teu coração, as boas lembranças ficarão quentinhas e eternamente vivas”, disse ainda uma seguidora.

Confira o post de Vanessa da Mata sobre a cachorrinha:

Vanessa da Mata diz que brasileiro deve guardar 30% do salário, é criticada e se retrata

Compartilhar