Foto: divulgação

Wesley Safadão pode ter que pagar R$ 40 milhões a tio que o processou

O cantor Wesley Safadão pode ter que desembolsar R$ 40 milhões ao fim de um processo movido contra ele por seu próprio tio, Emanuel Hélio Eduardo de Oliveira. A ação tramita na Justiça desde 2011 e será julgada pela 34ª Vara Cível de Fortaleza, no Ceará.

De acordo com o jornalista Leo Dias, do portal ‘Metrópoles‘, Emanuel Hélio processou Wesley Safadão alegando que a mãe do cantor, conhecida como Dona Bill, descumpriu um acordo firmado em 2003. O combinado envolve a banda Garota Safada, que trazia Safadão como vocalista e era gerenciada pela mãe do artista.

O tio de Wesley Safadão diz que tinha direito aos lucros dos shows da banda nos últimos dois sábados a cada dois meses. Porém, segundo ele, esses valores não foram pagos.

Veja também:
Kelly Key revela que se tornou milionária antes dos 20 anos e que música é hobby

De acordo com Emanuel Hélio, o acordo havia sido firmado porque ele cedeu um ônibus, no valor de R$ 22 mil, para as viagens do grupo. Pedro Brandão Neto, advogado de Emanuel Hélio, revelou a Leo Dias que houve uma tentativa de resolver o processo fora dos tribunais, mas Dona Bill ofereceu o valor de R$ 500 mil – pouco mais de 1% dos R$ 40 milhões que o cliente dele pede.

“Do mês do descumprimento do contrato para os dias de hoje são aproximadamente 70 (datas/show), ou seja, se a banda for tocar três vezes na mesma data, todo o cachê será para o tio. A última contabilidade que o tio de Safadão me informou já estava em R$ 40 milhões”, disse o advogado.

Até o momento, Safadão não se manifestou sobre o caso.

Entrevista a Faustão no processo

Um vídeo de uma entrevista de Wesley Safadão ao programa ‘Domingão do Faustão’, da TV Globo, em maio de 2018, foi anexado ao processo. Na ocasião, o cantor diz que a Garota Safada era uma “banda de família”, envolvendo sua mãe e seu tio.

O relato foi feito após o apresentador Fausto Silva perguntar a origem do nome artístico WesleY Safadão. “Por causa da Banda Garota Safada! Quando eu vim no seu programa, você me anunciou em 2010 como Banda Garota Safada. Então era isso, né? Então as pessoas perguntam: ‘ah, mas você, todo artista faz isso, né’. Depois faz carreira solo e abandona os primeiros sócios e tal. Minha mãe, meu tio… a banda é uma banda de família, então, assim, continua os mesmos sócios, a gente só inverteu o nome”, disse o cantor, na época.

Para o advogado do tio de Wesley Safadão, o vídeo serve como prova do envolvimento do tio no trabalho da banda Garota Safada. “Conforme o Wesley fala no vídeo, está muito bem explanado”, afirmou.

Veja também:
Justiça manda reter cachê de Maraisa por suposta dívida com ex-cunhado

Igor Miranda é jornalista que escreve sobre música desde 2007 e com experiência na área cultural/musical.