Foto: Grave / reprodução / Instagram @valescapopozuda

Valesca Popozuda desabafa após críticas por ter engordado: ‘de bem comigo mesma’

Valesca Popozuda publicou um desabafo nas redes sociais após ser criticada por ter engordado durante a pandemia. A cantora destacou que, de fato, ganhou peso por estar cumprindo o isolamento social.

Os comentários sobre a forma física de Valesca Popozuda foram feitos após a cantora realizar uma live na última semana. Além disso, ela publicou fotos nas redes sociais que mostram como ela está atualmente.

“Eu vi algumas pessoas falando ‘nossa, ela engordou’… sim, eu engordei. Eu tô fazendo quarentena, eu não tô mais fissurada em aparecer sarada pra ninguém me desejar ou as capas de revistas me chamarem”, afirmou, inicialmente.

Veja também:
Anitta rebate internautas que a criticaram por bumbum flácido e mamilo aparecendo

Em seguida, a artista destacou que quer estar bem consigo mesma. “Quero estar feliz e eu estou feliz assim”, declarou.

Ela também pontuou que vai voltar à forma física de antes quando puder se apresentar novamente. “Quando puder voltar a fazer show, eu vou dar uma emagrecida pra poder ter fôlego no palco, os figurinos entrarem”, afirmou.

Mesmo assim, Valesca Popozuda comentou que a ideia não é emagrecer pensando em elogios de homens. “Mas eu também não vou mais me contar a ter um corpo sarado porque os homens acham que fico melhor assim. Sorry, eu sou feliz e de bom comigo mesma”, concluiu.

A live de Valesca Popozuda aconteceu na noite de quinta-feira (30). Ao todo, foram registradas 88 mil visualizações.

Confira:

Valesca criticou lives superproduzidas

Em postagens feitas no último mês de junho, Valesca Popozuda fez críticas a artistas que estão fazendo lives em formatos superproduzidos, que demandam trabalho de mais funcionários – o que, por consequência, provoca aglomeração, além de furar o isolamento social recomendado por autoridades da saúde.

Inicialmente, a funkeira destacou que está sem trabalhar há 100 dias e que é autônoma, como muitos brasileiros. Na época, ela ainda não havia realizado sua live, que só aconteceu na última semana. “Minha empresa sou eu! Meu setor é um dos mais prejudicados. Diferente de alguns colegas de trabalho, não tenho empresa pra financiar uma live e me pagar por isso. Continuo sem furar o isolamento”, disse.

Veja também:
Valesca Popozuda critica cantores que furam isolamento e fazem lives grandiosas

Ela completou: “Vejo colegas ganhando muito bem pra fazer live, furar quarentena… fazem lives que aglomeram tanto quanto uma social de blogueira. Vejo aqui cancelamentos abertos apenas com uma parte seletiva. Já vi artistas masculinos furando, fazendo procedimentos desnecessários, mas só as mulheres são canceladas”.

A cantora pediu que grandes empresas ou mesmo grandes artistas patrocinem lives de outros artistas, inclusive do teatro e outros segmentos. “E sim, tô chorando! Não queria admitir, vim aqui desabafar porque não queria chorar, mas eu tô chorando e não é por falta de dinheiro, de shows, não é isso! É porque passamos de 50 mil mortos e vários lugares estão reabrindo como se tivesse tudo normal! Não está normal!”.

Veja também:
Veja quais as lives com shows de música marcadas para os próximos dias
Compartilhar