natália becker

‘Acabou com minha vida’, diz Natália Becker sobre morte de paciente após peeling de fenol

A Polícia Civil de São Paulo indiciou Natália Becker, esteticista, pela morte de Henrique Chagas, 27 anos, durante um procedimento estético – o peeling de fenol. Ele pagou R$ 4.500 pela aplicação.

O delegado Eduardo Luís Ferreira afirmou que Becker será responsabilizada por homicídio por dolo eventual, ao assumir o risco ao realizar o procedimento sem licença.

“O crime é de homicídio por dolo eventual”, explicou Ferreira. “A esteticista assumiu o risco de causar a morte ao realizar o procedimento sem a devida estrutura e competência“. 

Natália Becker é esteticista e relatou ter feito um curso livre online com uma farmacêutica do Paraná para aprender a fazer o peeling de fenol.

Ela afirmou que o fenol usado era uma versão atenuada, com 30% de concentração, disponível para venda na internet.

Um fato preocupante é que Natália não solicitava exames pré-operatórios aos pacientes, justificando que o fenol usado era atenuado e, supostamente, menos invasivo.

O delegado destacou a importância de aguardar os laudos periciais antes de decidir sobre a prisão de Natália. “É prudente esperar os resultados das análises para uma decisão final”, afirmou Ferreira.

Na delegacia, Natália Becker, acompanhada de sua advogada, prestou depoimento por cerca de duas horas.

Veja também:
Diretora 'ouviu a voz de Maisa' enquanto lia cenas da vilã de nova novela

“É muito triste o que ocorreu. Jamais tive a intenção de fazer isso“, disse Natália, acrescentando que isso “acabou com a vida dela também”.

“Estavam sendo muito difíceis esses dias para mim. Estou muito triste pelo que ocorreu. Sinto muito pela família dele. Acabou com a minha vida isso, jamais tive a intenção de prejudicar ele”, disse Natalia diretamente à imprensa.

A advogada Tatiana Forte defendeu a cliente, afirmando que Natália está profundamente abalada e sob tratamento médico devido ao estresse.

“Viemos prestar esclarecimentos para colaborar com a justiça”, declarou Forte, reforçando a disposição de Natália em cooperar com as investigações.

Veja fotos de Henrique pouco antes e pouco depois do procedimento estético que o levou à morte:

Henrique Chagas - peeling de fenol

Fotos: Arquivo Pessoal

Confira a fala de Natalia Becker sobre a tragédia:

Clínica é vandalizada

O Studio Natália Becker, localizado no bairro Campo Belo, na zona sul de São Paulo, foi alvo de vandalismo na madrugada desta quarta-feira (5). A fachada foi pichada com frases de protesto devido à morte do empresário.

“Esteticista assassina”, “Negligência?” e “Justiça seja feita” foram algumas das frases escritas na entrada da clínica e no muro. A polícia esteve no local até a noite de terça-feira (4).

Antes de se apresentar à polícia, Natália chegou a ser considerada foragida.

Segundo o delegado Eduardo Luís Ferreira, do 27º DP de São Paulo (Campo Belo), Natalia deixou a clínica após o incidente e estava desaparecida.

Veja também:
As bizarras coincidências entre as entrevistas de Natália Becker e Suzane Richthofen

“Neste momento, está evidente que ela fugiu da prisão em flagrante“, afirmou Ferreira na ocasião.

“Ontem [segunda-feira, dia 3], foi informado que ela não estaria mais na clínica porque, ao saber do episódio, teria passado mal e ido para um hospital. Indicaram dois possíveis hospitais – o próprio marido dela indicou -, mas não a encontramos nesses locais“, completou o delegado.

A polícia também foi até o endereço registrado como residência de Natália, mas não a encontrou.

“Fomos até lá e soubemos que eles não moram mais no local há cerca de três meses. Tudo indica que houve uma fuga de uma prisão em flagrante”, explicou Ferreira.

“Se ela tivesse sido conduzida para cá ontem, certamente seria autuada em flagrante delito”.

Inicialmente registrado como morte suspeita, o caso agora é tratado como homicídio.

“Desde ontem, com a instauração do nosso inquérito policial, trabalhamos com a hipótese de homicídio”, declarou Ferreira. “Ou seja, alguém causou a morte de outra pessoa“. 

Veja fotos da clínica vandalizada:

Clínica Natalia Becker - vandalizada

Foto: Divulgação

Perfil de Natália Becker já foi bloqueado por fraude

Em outra ocasião, Natália Becker teve sua conta no Instagram com mais de 230 mil seguidores suspensa por fraude e dolo.

A suspensão ocorreu em abril deste ano, alegando que Natália teria intencionalmente enganado para obter vantagens ou causar prejuízo.

Veja também:
Cantor que esqueceu agendamento com Natália Becker: 'sinto que seria eu'

A suspensão foi resultado da violação das diretrizes da plataforma. Em resposta, Natália acionou a justiça contra a empresa Meta, alegando que estava impedida de se comunicar com seus seguidores, acessar mensagens de clientes e promover campanhas publicitárias.

Natália solicitou o desbloqueio de sua conta, uma indenização de R$ 25 mil por danos morais e que a página voltasse ao alcance anterior, sob pena de multa diária de R$ 1.000.

O Tribunal de Justiça de São Paulo indeferiu o pedido de urgência e marcou uma audiência para agosto deste ano.

A defesa da Meta argumentou que a conta @nataliabeckeroficial estava ativa até uma semana antes da suspensão e que a medida estava conforme os termos de uso da plataforma, como parte de sua política de proteção ao usuário.

Entre o final de março e início de abril deste ano, Natália Becker gastou R$ 3.009,17 em anúncios pagos no Instagram, promovendo conteúdo de beleza e estética.

Termos como “Pele bonita”, “Skin Care” e “Compras” foram usados para impulsionar suas publicações.

Natália Becker não tinha licença para realizar procedimento: ‘curso online’

Sou jornalista, mas nas horas vagas gosto de fingir que sou influenciador digital. Me segue no insta! @meunomenaoedolfo

Compartilhar