Fotos: Reprodução/Instagram

Passeador dos cães de Lady Gaga posta relato emocionante após sobreviver a 4 tiros

Depois de ter sobrevivido a 4 tiros no peito durante uma ação criminosa que resultou no roubo de Koji e Gustav, dois buldogues franceses da cantora Lady Gaga, Ryan Fischer, funcionário da cantora responsável por passear com os animais, publicou fotos no hospital em que está internado com um longo e emocionante relato contando detalhes sobre o ocorrido.

O roubo aconteceu na noite da última quarta-feira (24) na cidade de Los Angeles, na Califórnia (EUA). Fischer passeava com os três cães da cantora, os machos Koji e Gustav e a fêmea Asia, quando foi surpreendido por bandidos. Após reagir e tentar proteger os animais, ele foi baleado no peito.

Veja também:
Passeador de cães de Lady Gaga é baleado e dois buldogues são roubados

Ryan começa o texto que publicou no Instagram no último domingo (28) contando que, mesmo ferido, após a ação violenta dos bandidos, ele protegeu Asia (a terceira buldogue de Gaga) – que foi encontrada rapidamente. Ele se desculpa por não ter conseguido fazer o mesmo com os outros cachorros, dos quais ele é muito apegado.

“Quatro dias atrás, enquanto um carro acelerava e sangue derramava do meu ferimento por arma de fogo, um anjo trotou e se deitou ao meu lado. Meus gritos de pânico se acalmaram quando olhei para ela, embora registrasse que o sangue acumulado ao redor de seu corpo minúsculo era meu”, escreveu ele.

“Eu embalei Asia o melhor que pude, agradeci a ela por todas as aventuras incríveis que passamos juntos, me desculpei por não poder defender seus irmãos e então resolvi que ainda tentaria salvá-los… e a mim mesmo”, continuou Fischer.

“Esperançoso de que meus apelos calmos (mais ou menos) e enérgicos para a urgência do meu cuidado, bem como as descrições precisas dos cães fossem o suficiente para me ajudar e obter atenção suficiente da polícia e da mídia para encontrar os meninos (Gustave e Koji), olhei para trás para meu anjo da guarda (Asia)”, completou.

“Eu sorri para sua forma trêmula, grato por pelo menos ela ficar bem. A partir daquele momento, enquanto os vizinhos vinham de suas casas e do restaurante até nós na calçada, a vida deu uma guinada repentina e inesperada”, disse ainda.

Em uma segunda postagem, Ryan afirmou que, mesmo após quase perder sua vida nessa situação, ele é grato por tudo e pela recuperação dos cachorrinhos de Gaga. Koji e Gustav foram encontrados presos a um poste, sem ferimento nenhum, por uma mulher na sexta-feira (26).

“Eu ainda estou em recuperação de um encontro muito próximo com a morte e me mantive afastado (na maior parte, quero dizer, eu sou humano) da crescente história da mídia. Escreverei e direi mais tarde, mas a gratidão por todo o amor que sinto em todo o planeta é imensa e intensa. Senti seu apoio de cura! Obrigado”, agradeceu o jovem.

Veja também:
Lendário cantor Prince quase participou de série da Marvel na Netflix

“Sinto-me honrado e grato porque a atenção e o foco da polícia foram suficientes para colocar Koji e Gustav de volta em segurança, e sei que eles estão empenhados em levar esses criminosos, que tentaram provocar um assassinato, à justiça. Estou muito grato por tudo o que continuam a fazer”, disse ele.

Ryan Fischer descreve, também, a alegria que sentiu ao receber fotos e vídeos dos cachorros de outros clientes que ele também atende desejando melhoras.

“[…] Todos os vídeos e fotos de cães de meus clientes para manter meu ânimo fizeram milagres. Ver seus rostos se iluminarem quando vocês dizem meu nome me motiva a continuar pressionando para que eu possa brincar com eles e vê-los novamente em breve. Eu amo todos vocês!”, afirmou.

Por fim, o Fischer comemorou o “final feliz” da história e agradeceu Lady Gaga por todo o suporte que ela deu a ele e a sua família. Segundo fontes próximas, a cantora assumiu os custos de mais de mais de R$558 mil em cuidados médicos ao responsável pelos animais.

Uma matéria publicada pelo jornal britânico ‘Sunday Mirror’ diz que, além de Gaga ter coberto todos os custos do tratamento do jovem, também garantiu que Fischer tivesse acesso aos melhores médicos durante sua recuperação.

“E para Eliseu, minha família em Haüs e Lady Gaga, seus bebês estão de volta e a família está inteira… nós conseguimos! Você demonstrou muito apoio durante toda esta crise tanto para mim quanto para minha família. Mas seu apoio como amigo, apesar de sua própria perda traumática de seus filhos, foi inabalável. Eu te amo e obrigado”, disse Fischer.

O rapaz conclui o texto emocionado dizendo que está ansioso para ver os cãezinhos de novo. “E agora? Muita cura ainda precisa acontecer, mas estou ansioso para o futuro e o momento em que serei bombardeado com beijos e lambidas (e talvez até um xixi de excitação?) Da Ásia, Koji e Gustav”, finalizou.

Em nota divulgada ao portal ‘TMZ’ na sexta-feira (26), a família de Fischer afirmou que ele estava melhorando aos poucos. “Ryan está recebendo cuidados extraordinários no hospital agora e seus médicos esperam que ele se recupere totalmente”, disseram.

“Não podemos dizer o suficiente para agradecer a todos os primeiros socorristas, enfermeiras e médicos que trabalharam tão incansavelmente para cuidar de Ryan”, disse a mensagem, que continuou com uma menção à Gaga.

Veja também:
Você lembra? Disney produziu versão brasileira de High School Musical há 10 anos

“Claro, também queremos agradecer a Lady Gaga, que mostrou nada além de amor e preocupação ininterruptos por Ryan e nossa família desde o início”, finalizou.

Foto: Reprodução

O roubo dos cães de Lady Gaga

O crime foi registrado pelas câmeras de segurança de um vizinho da artista, mas os bandidos ainda não foram identificados. Lady Gaga recebeu a notícia com muita tristeza em Roma, onde está gravando um novo filme.

Logo depois do acontecido, Ryan foi hospitalizado e as buscas pelos cachorros começou. Lady Gaga falou sobre o assunto no Twitter e prometeu pagar U$ 500 mil (o equivalente a R$ 2 milhões e 810 mil, na cotação de hoje) de recompensa para quem encontrasse os cãezinhos.

Felizmente, dois dias depois, na sexta-feira (26), Koji e Gustav foram resgatados sem nenhum ferimento e devolvidos à cantora. Segundo a imprensa local, a mulher que encontrou os animais não estava envolvida com o crime, ela apenas viu os dois amarrados a um poste e os reconheceu devido à repercussão do ocorrido na mídia.

Ela entrou em contato, então, pelo e-mail divulgado por Gaga no Twitter e foi orientada a levar os cachorros a uma delegacia. Segundo o ‘TMZ’, a cantora pagará “com prazer” a recompensa de U$500 mil anunciada.

O jornal ‘New York Post’ publicou um texto dizendo que o FBI, a polícia federal dos Estados Unidos, está investigando o roubo dos animais e não descarta uma motivação política.

Vale lembrar que Lady Gaga é apoiadora do Partido Democrata e, recentemente, cantou o hino americano durante a posse do presidente Joe Biden. Também existe a hipótese de que os animais foram roubados por conta do valor dos buldogues franceses no mercado.

Lady Gaga é gaga? 5 coisas que você não sabia sobre a cantora

Compartilhar