Foto: reprodução / Instagram

MC Mirella volta a se defender de acusações de aliciar menor para prostituição

A funkeira MC Mirella está sendo acusada, nas redes sociais, de aliciar uma menor de idade para prostituição. A alegação foi feita por uma adolescente que afirmou ter 17 anos atualmente – e, na época, teria apenas 16. Após publicar um longo desabafo nas redes sociais, a cantora voltou a se defender das acusações, agora em um longo vídeo no YouTube.

“Estou achando um absurdo! Sustento mais de 10 famílias. Trabalho e ralo muito. A pessoa que fez isso não tem noção. Você tem pais e eu também tenho pais. Você pensou neles? Sabe como eles estão? Minha avó que é uma senhora de idade me ligou desesperada porque viu a notícia na televisão, que são inverdades”, declarou ela.

“Você não mexeu só comigo. Você mexeu com minha família, comigo e com mais de dez milhões de fãs meus. E você mexeu com meu caráter e não se mexe com o caráter de uma mulher. Estou muito brava. Eu não tenho nada contra quem faz esse tipo de coisa que você me acusou, não julgo a vida de ninguém. Esse quebra-cabeça está muito confuso e quem começou vai ter que terminar”, continuou.

A cantora contratou um advogado para se defender das acusações e já está com um jurista responsável pelo caso. A funkeira também explicou que as mensagens não tinham segundas intenções, pois tratava de uma proposta profissional e rebateu: “Não é porque sou funkeira que vendi o meu corpo, que vendi o meu corpo para chegar onde eu estou – porque é o que você está dando a pensar”.

“Eu não tinha o conhecimento que você era menor de idade. Tanto que, quando te mandei mensagem lá no Instagram, você tinha colocado na bio que era modelo. Pelas fotos que você postou, para mim, você era muito desenvolvida… entendeu? Mas tudo bem, você quis usar de uma situação”, relembrou ela.

Veja também:
Guitarra para mulheres: você conhece o modelo especial com 'espaço para os seios'?

“Eu não tenho nada contra quem faz esse tipo coisa que você me acusou, tá? Não julgo a vida de ninguém. Hoje, no patamar que eu cheguei, eu vejo milhares de pessoas tentando se aproveitar da situação pra poder subir, pegar carona aqui no ombro, mas não é assim, não, que você vai conseguir. Se você quiser vai ter que batalhar muito. Corre atrás do seu objetivo da maneira correta”, disse a cantora.

Por fim, a funkeira diz que aguarda explicações da jovem, que tem cerca de 90 mil seguidores no Instagram: “Dois anos depois, isso é muito esquisito é muito estranho. É complicado, viu. Eu fico muito triste com isso. Mas eu espero que você seja uma pessoa abençoada e se explique. Posta também as conversas que você teve com ele no WhatsApp e onde que ele falou que você ia ter que ir lá e fazer alguma coisa com ele. Eu não tinha conhecimento disso. Pra mim, ele não falou nada disso. Quando ele me procurou para me contratar, foi profissionalmente”.

Confira o vídeo completo:

Entenda o caso

MC Mirella foi acusada, nas redes sociais, de aliciar uma menor de idade para prostituição. A alegação foi feita por uma adolescente que afirmou ter 17 anos atualmente – e, na época, teria apenas 16.

Segundo imagens de uma conversa publicadas nas redes sociais, MC Mirella teria feito uma proposta para que a adolescente passasse um fim de semana com um dono de um shopping. O valor oferecido foi de R$ 5 mil.

Veja também:
Após ingressos esgotados, Sandy e Junior anunciam dois shows extras

“Só tenho a dizer que tenho nojo! Não postei antes por eu ter medo de varias coisas acontecerem comigo, gente que tem dinheiro pode fazer qualquer coisa com quem não tem”, disse a adolescente, que tem pedido nas redes sociais para que seu nome não seja publicado nos portais de notícia.

Nos prints, divulgados no Twitter, MC Mirella diz: “um fã seu que é meu amigo insistiu muito para falar com você, ele quer saber se você topa sair com ele um final de semana, ele paga 2.000,00 + passagem de ida e volta + despesas, ele é muio tranquilo e super de boa e já tem tempo que quer sair com você!”. Após a recusa da adolescente, a funkeira aparece oferecendo o valor de R$ 5 mil, que também é negado.

Em uma série de vídeos postados no Instagram, transcritos pelo CenaPop, a jovem explicou: “Tudo começa quando um homem veio atrás de uma amiga minha para fazer uma parceria. Ela não quis fazer a parceria, me indicou. Ele me propôs um kit de maquiagem completo para e postar aqui no Instagram e marcar a loja dele, só isso. Aí eu comecei a perceber que, na conversa por WhatsApp, estava começando a ficar estranho, porque eu tinha 8 mil seguidores na época. Eu não era tão famosa, eu sei que eu não era famosa, sabe? Ele me oferecia cachês altos. Teve um show do Alok em Santa Terezinha, que é aqui perto, e aí ele falou bem assim: ‘eu vou te dar camarote VIP para você vestir as minhas roupas e você vai ganhar mil reais pra ir lá e fazer nada’.”

Veja também:
6 anos sem Chorão: as homenagens ao cantor do Charlie Brown Jr.

Ela completa que, em seguida, recebeu o contato de MC Mirella. “Eu sabia pela construção da palavras e pelo valor que estavam me oferecendo que eram eles. Não respondi nada porque já estava com medo depois que começaram a oferecer valores altos. Depois de uns meses, vem a Mirella me oferecer aquilo. Eu perguntei: ‘ele já falou comigo?’. Eu já sabia quem era, mas queria confirmação. Ela falou: ‘ele me mandou falar com você, porque você já deve ter negado’. Eu sabia que era ele. Pensei: ‘para a Mirella ter vindo falar comigo, ela teve recebido algo’. Quanto de dinheiro eles ofereceram para ela, que deve ser 1% que eles ganham. Eu sabia que ele é dono de um shopping no Paraguai. Não vou falar o nome, porque ainda tenho medo. Tenho medo de receber um processo”, afirmou.

Após ter publicado o caso nas redes sociais, a adolescente removeu todos os seus perfis nas redes sociais e afirmou que não quer seu nome ligado à denúncia, apesar de ter sido ela própria quem as publicou. “Meu intuito era alertar e não ganhar fama! […] Eu não quero aparecer. Isso tomou um rumo totalmente diferente do meu intuito”, declarou.

Veja, abaixo, os prints divulgados pela adolescente:

Antes de publicar o vídeo no YouTube, a funkeira publicou, por meio de suas redes sociais, um longo desabafo relacionado à acusação. Confira:

MC Mirella se manifesta após acusação de aliciar menor para prostituição

#COMENTE

Compartilhar